quarta-feira, 30 de novembro de 2011

SEM ACORDO! Greve da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros continua

 Por Jorge Vieira

A greve da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros continua. Representantes do governo e líderes  do movimento não chegaram a uma acordo sobre o percentual de reajuste oferecido pela governadora Roseana Sarney (PMDB) e as duas instituições permanecem de braços cruzados.

Representando o governo na reunião, o senador João Alberto apresentou o percentual  que poderia ser concedido pelo Estado, cerca de 10.1% incluindo ticket alimentação, o que elevaria o salário bruto para R$ 2.240,00, mas foi rechaçado de pronto pelo comando da paralisação, que deseja o realinhamento dos salários na ordem de 30%, ou algo próximo a este percentual.

Diante da reação dos policiais, João Alberto deixou a reunião bastante irritado e anunciando que “não sento mais para negociar com gente de fora", numa referência ao soldado Prisco, que representa a associação nacional da categoria.

Alberto ficou de levar a proposta dos grevistas à governadora e marcou para sexta-feira, às 14h, uma nova reunião para anunciar a posição do governo quanto ao reajuste pretendido. Enquanto o governo não responde, a greve continua.     

"Câncer vai fazer Lula se tornar o padre Cícero", diz articulista do Estadão

neumane_pinto2
Nêumane Pinto
Autor do livro O que sei de Lula, o editorialista do Jornal da Tarde e articulista do Estadão, José Nêumanne Pinto, revela que fará uma segunda edição da obra, originalmente lançada em agosto deste ano. 

O motivo é a doença enfrentada pelo ex-presidente da República. "O câncer vai fazer Lula se tornar o padre Cícero”, disse ao participar do evento “Liberdade de Imprensa X Politicamente Correto, realizado nesta última segunda-feira, 28, em São Paulo.

Ao citar a doença de Lula – que já faz sessões de quimioterapia para eliminar um tumor na laringe -, o jornalista referiu-se ao religioso cearense Cícero Romão Batista (1884 - 1934), primeiro prefeito de Juazeiro do Norte (CE). Além da vida dedicada à política e ao sacerdotismo, Padre Cícero é considerado santo por muitos fiéis da Igreja Católica. Na cidade em que foi prefeito, há uma estátua de 27 metros de altura em sua homenagem.

Nêumanne acredita que a doença de Lula vai comover a maioria dos brasileiros, tornando-o um mito, não apenas por razões políticas, mas pelo fato de ser um cidadão comum que passa a protagonizar uma verdadeira jornada de herói. “O povo ama o Lula porque tem nele a figura exata do que é um brasileiro”. Esse grau de devoção fará o poder do líder petista crescer até mesmo dentro de seu partido, avalia Nêumanne. “Ele vai fazer o que quiser com o PT e com o Brasil”.
Nêumane não poupou críticas a Lula
De acordo com o jornalista do Grupo Estado e comentarista do SBT e da rádio Jovem Pan, a ascensão progressiva da imagem de Lula coincide com a fragilidade da oposição. Segundo o analista, PSDB e DEM são “coniventes” com a corrupção e a má gestão lideradas pelos governos do PT. Nêumanne Pinto afirma que os tucanos não venceram as duas últimas eleições presidenciais porque não quiseram.  “Conseguiram fazer um ex-ministro da Saúde perder para uma mulher que mal consegue falar a Língua Portuguesa”, lembrou.
Amizade
Sobre as afirmações contidas no livro, Nêumanne explicou que realmente sabe muitas histórias de Lula. Em sua fala no evento, as palavras “amizade” e “convívio” sobressaíram como forma de fundamentar as análises acerca das atitudes do petista, principalmente antes do engajamento no campo político-partidário. 

Apesar das diversas críticas, o jornalista garante que sua amizade com o ex-presidente não acabou. Perguntado pela reportagem do Comunique-se a respeito de seu relacionamento com o petista, Nêumanne esclareceu. "Quando ele (Lula) decidiu entrar para a política, disse que era um erro e acabamos nos afastando. Minha opinião se mostrou equivocada, pois ele não só ingressou na política como se tornou o maior político da história do País”. 

O jornalista, porém, crê na simpatia de Lula. “Ele ainda fala bem de mim, até porque não gosta de ler nenhum artigo e não sabe o que escrevo sobre ele”, completou, provocando risos na plateia.

A história do dedo
Aberta ao público para perguntas, a apresentação de Nêumanne não escapou à polêmica sobre a perda do mindinho da mão esquerda de Lula. “É a mesma história das outras contadas pelo Lula: ele sempre é o herói e sempre tem um filho da p... para atrapalhar”, explicou. Segundo o jornalista, Lula lhe contou a versão do acidente somente dez anos depois do ocorrido.

O ex-presidente estaria trabalhando no torno quando um colega bêbado chegou e prensou seu dedo; que ficou trabalhando porque o patrão não o deixou ir ao médico; que depois do expediente foi levado por alguns amigos para o pronto-socorro, mas que o médico amputou o dedo por comodismo. “Aí, eu pergunto: quem era esse bêbado? Quem era o patrão? Quem eram esses amigos? Quem era o médico?”, indagou, respondendo em seguida: “Ninguém sabe!” ( Portal Comunique-se).

Protestos estão acontecendo, mas governistas anunciam que a greve dos militares pode acabar hoje

Manifestantes em Imperatriz
Em São Luís e Imperatriz estão ocorrendo manifestações contra o governo e em apoio à greve dos militares, por estudantes e lideranças dos chamados movimentos sociais. 

Leia mais:


Enquanto isso segundo anunciam blogueiros e outros setores da imprensa ligados ao governo, a greve pode acabar hoje.

João Alberto, "o negociador"
Segundo dizem a entrada do senador João Alberto de Souza (PMDB) no diálogo com os militares praticamente encaminhou o fim da greve dos policiais e bombeiros militares.

Apenas detalhes na questão do reajuste salarial ainda estã0 sendo analisados para que os militares anunciem o fim do movimento.

O presidente da Comissão de Segurança da Assembléia, deputado Zé Carlos da Caixa (PT), aposta, inclusive, que a greve possa terminar hoje. Leia mais:

terça-feira, 29 de novembro de 2011

Blogueiro petista pergunta: cadê o PT?

Por Robert Lobato

Alguém poderia informar onde está o Partido dos Trabalhadores neste momento de grave crise institucional que passa o Maranhão?

Alguma criatura poderia informar ainda o que pensa o partido da presidenta Dilma no Maranhão sobre a greve dos policiais e bombeiros militares?

Será se alguma alma sabe explicar o porquê do principal partido da esquerda maranhense silenciar diante de tamanha conjuntura caótica?

O PT apóia greve ou é contra o movimento de paralisação dos policiais e bombeiros? Ou não é nenhuma coisa e nem outra?

Um partido que foi forjado nas lutas sociais e populares não pode ficar omisso ao que acontece no estado. A partir da responsabilidade de quem governa o país e integra o Governo do Maranhão não deveria ficar calado, já teria que ter divulgado uma nota oficial sobre o seu posicionamento em relação a grave greve dos militares.

A sociedade cobra uma posição do PT nas ruas e nas redes sociais porque sabe que o partido tem história e não pode ficar assistindo a tudo em cima do muro.

No governo estão petistas como o próprio vice-govenador Washington Oliveira; o secretário de Assuntos Institucionais, Rodrigo Comerciário; o secretário-adjunto do Desenvolvimento Social, Kleber Gomes; o assessor especial Fernando Magalhães, enfim, todos oriundos do movimento sindical.

O PT não poderia ficar calado como se não tivesse nada a ver com isso. Tem e muito!

Cleber Santos, mais um jovem assassinado em Imperatriz

Cleber Lima Santos
A Polícia Civil está as voltas com mais um crime envolvendo mais um jovem de Imperatriz. A vítima foi o jovem Kleber Lima Santos,  filho do professor de educação física Edmar Pereira. morto ontem por volta das 11 horas da manhã nas imediações da casa que construía, no Parque Alvorada I.

A vítima estava dentro do carro, um Ford Fusion, quando foi surpreendida pelo bandido, que  estava encapuzado. 

O crime aconteceu no momento em que as atenções da cidade se  voltavam para a interdição  da BR-010 pelo movimento de greve dos Policiais Militares.  A vítima foi abatida  a cerca de um quilômetro do local do protesto.

Fuga e roubo

O assassino que atirou em Cleber estava sozinho e fugiu num utilitário do tipo estrada e não numa moto como inicialmente foi divulgado.

Conforme o agente  Pinheiro  a abordagem aconteceu no instante em que a vitima entrara no veículo para apanhar  certa quantia de dinheiro para o encarregado de sua construção efetuar o pagamento do aluguel de um galpão usado para guardar os utensílios da obra.

“O criminoso chegou e disse que era um assalto.  Tomou o dinheiro, o cordão, uma pulseira o celular e a porta cédula e, depois disparou contra o garoto para em seguida se evadir do local”  disse o policial.

Polícia não acredita em latrocínio ( roubo seguido de morte)

Com 29 anos de experiência o agente da Policia Civil, Pinheiro não acredita que Kleber  Santos tenha sido vítima de  latrocínio. A crença da PC  é que tenha sido mais um crime de encomenda.

Pelo  que começou a ser apurado o modo de agir do bandido teve um  único objetivo:  levar as investigações para outro rumo levando todos a crer que  tratava-se de um assalto.

O carro usado na fuga pelo criminoso,  segundo  levantamentos feitos pela PC até agora, há pelo menos dois dias rondava o local do crime, uma evidência de que o criminoso fazia o levantamento da área aguardando o momento certo de agir.

Com a volta ao local do  triste episódio a PC espera obter mais informações que possam dar  maiores substancia ao processo de investigação. (Elson Araújo)

Sebrae convida para 3º Seminário de Agronegócios da Região Tocantina

O SEBRAE/MA, através da Unidade de Negócios de Imperatriz, e Parceiros do Projeto convidam para o 3º Seminário de Agronegócios da Região Tocantina e o lançamento do X ENEL – Encontro Nordestino do Setor de Leite e Derivados, a se realizar em 2012, sendo um dos maiores eventos do segmento lácteo do Nordeste.

O Seminário de Agronegócios objetiva apresentar os resultados alcançados ao longo de 2011. O encontro acontecerá no próximo dia primeiro de dezembro, tendo como local o auditório da Faculdade Atenas Maranhense (Fama), no horário das 08:00 às 12:30 horas e das 13:30 às 17:30 horas.

Segundo Márcia Maria Martins Ferreira, analista/Sebrae MA., é muito importante que o produtor rural do setor leiteiro participe e mostre os avanços e conquistas”, explicou.

A analista considera essencial a presença dos produtores e reforça afirmando que “estamos convidando todos a participarem do referido evento, assim como sensibilizar/mobilizar junto à sua carteira de clientes e fornecedores a realização do mesmo, no intuito de que todos se façam presentes no seminário. O evento é de grande importância para o setor por se tratar de uma das ferramentas de fortalecimento da cadeia do agronegócio na nossa região”.

Ela espera ainda contar com o “apoio de todos os municípios para mobilizarem os produtores de cada um dos municípios a participarem de um evento que é nosso e cujo objetivo é apresentar resultados na condição do Ganha Ganha: Ganha benefícios que fortalecem o desenvolvimento para o setor. A sugestão é para que todos os produtores que fazem parte do projeto Balde Cheio participem, no entanto é livre e todos podem participar”. (Assessoria)

Técnica de enfermagem morre vítima de acidente

Camila Maciel
Vítima de acidente de trânsito, morreu na manhã de domingo (27) a jovem técnica de enfermagem Camila Maciel Amaral, 22 anos, que era moradora da Rua A, Quadra 1, casa 1, no Conjunto Vitória.

Camila Maciel, que era funcionária da Unimed Imperatriz, morreu instantaneamente quando colidiu o seu carro com um caminhão na BR-010 (Belém-Brasília), quando retornava para casa, por volta de 6 horas do último domingo (27).

Com o choque, o veículo conduzido por Camila foi jogado fora da pista. O caminhão quebrou a barra de direção e tombou no meio da pista, ficando de rodas para cima. O motorista saiu apenas com pequenas escoriações. Ele informou que vinha descendo normalmente quando de repente observou um carro indo em sua direção, na contramão. Ainda tentou tirar o caminhão, mas o automóvel conduzido por Camila bateu já na parte traseira do autocarga. “Fiz de tudo para evitar o pior, mas não foi possível”, disse o caminhoneiro.

O corpo de Camila ficou preso às ferragens e foi preciso a ação do Corpo de Bombeiros para retirá-lo. (Do jornal O Progresso)

sábado, 26 de novembro de 2011

CNJ investiga juízes suspeitos de grilagem, diz corregedora

Anne Warth e Fausto Macedo, enviados especiais de O Estado de S.Paulo

Corregedora Eliana Calmon
A corregedora do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), Eliana Calmon, revelou nesta sexta-feira, 25, que o órgão está investigando operações suspeitas envolvendo um grupo de juízes em um esquema de a compra de terras e grilagem em áreas de grande extensão no Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Piauí e divisa entre Bahia e Goiás. A trama envolve tabelionatos e cartórios de registro de imóveis, informou a corregedora.

Os casos incluem cancelamento de títulos e matrículas em cartórios por ordem judicial, intervenções e ações reivindicatórias sem título adequado e concessão de liminares para imissão de posse indevida, tutela antecipada em ação por uso capião, entre outros expedientes. De acordo com a ministra, as terras têm sido usadas para o cultivo de soja.

"Estão ocorrendo, pelas informações que estamos recebendo e que chegam em razão de denúncias, grilagem de terras que não valiam nada, que eram absolutamente inservíveis, e que hoje são riquíssimas com o agronegócio, com participação de magistrados,", afirmou a ministra, ao participar da 9.ª Reunião Plenária Anual da Estratégia Nacional de Combate à Corrupção e à Lavagem de Dinheiro (Enccla), em Bento Gonçalves (RS). "Isso está nos preocupando sobremaneira", afirmou.

Na avaliação de Eliana Calmon, trata-se de um esquema semelhante ao que já ocorreu no Sul do Pará. "Eram terras absolutamente sem valor econômico nenhum e, no entanto, elas começaram a ser valorizadas de repente em razão do agronegócio. O sul do Piauí está um problema sério, porque aquilo ali era terra de ninguém, abandonadas, de repente, cresceu."

Segundo a ministra, alguns casos na Bahia chamaram a atenção da Corregedoria. "Temos algumas denúncias de dois ou três magistrados investigados, que inclusive o próprio Tribunal removeu, colocou outro, e em poucos meses o outro estava no mesmo esquema, porque é muito dinheiro", afirmou. No Piauí, os casos estão sendo investigados pela corregedoria regional. "Mas eu tenho já os registros de uns três juízes que não estão afastados e estão sendo investigados", revelou.

Eliana defendeu uma mobilização direta e conjunta do Ministério da Justiça, Polícia Federal, Ministério Público e CNJ para investigar o caso. "Eu levei minha preocupação ao ministro Cesar Peluso (presidente do Supremo Tribunal Federal e do CNJ) porque eu entendo que há necessidade de uma ação conjunta e política. E nas ações políticas é o presidente do CNJ que deve atuar no sentido de nós termos um enfrentamento conjunto", afirmou. "Não adianta punir o juiz porque nós temos de pegar todo o segmento que vem praticando esse ilícito."

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Secretário diz que "Governo não negocia com grevistas"


Em coletiva de imprensa realizada no final da manhã, o secretário Aluísio Mendes (Segurança) confirmou para esta sexta-feira a entrada de homens do Exército no patrulhamento das principais cidades do Maranhão.

Ainda hoje outro contingente da Força Nacional de Segurança chega ao estado. Aluísio Mendes disse que o comando operacional do policiamento ficará a cargo do Exército. Com todo esse efetivo extra, o policiamento será maior que o normalmente utilizado.

O secretário afirmou que, apesar da greve, os índices de violência em todo estado mantém-se estáveis. Nos últimos dias, só dois homicídios foram verificados na capital. Ele estimou em 55% na capital e 15% no interior o número dos policiais em greve. Aluísio Mendes afirmou que o governo só negocia com os policiais após o fim do movimento.

“Seria até incoerente a gente fazer o contrário depois de pedir a ilegalidade da greve na justiça. Por determinação da governadora, não se negocia enquanto eles estiverem nesse movimento. Há cinco meses vínhamos negociando com a categoria. Eu mesmo me reuni oito vezes com as associações que representam os grevistas”, disse.

O secretário declarou que a prisão dos líderes do movimento está sendo pedida porque os próprios comandantes da PM poderiam ser responsabilizados e enquadrados em crime de responsabilidade caso não o fizessem. “É uma obrigação legal”, explicou.
Ele confirmou para hoje o início do desconto de R$ 200 no salário de cada grevista, conforme decisão do desembargador Stélio Muniz que considerou a greve ilegal. Todos os comandantes de batalhões terão de passar diariamente a relação dos faltosos à Secretaria de Planejamento para a realização dos cortes.

Arrastões
Aluísio Mendes negou enfaticamente qualquer existência de arrastões na cidade. Classificou de “irresponsáveis” as pessoas que espalham este tipo de boato na cidade. O secretário contou que a polícia esteve ontem na Rua Grande e nenhuma ocorrência foi registrada, apesar da ocorrência de alguns tumultos. “São pessoas inescrupulosas que estão tentando tirar proveito da situação. Quem está fazendo isso está conspirando contra a população”, destacou. (Décio Sá)

PMs e Exército podem entrar em confronto no Maranhão

Poderá acontecer um confronto de resultados violentos  fatais, caso o exército resolva reprimir o movimento grevista de PMS e bombeiros no Maranhão. Pelo menos é o que acaba de informar em seu blog o jornalista John Cutrim

Segundo ele, "Policiais Militares e Bombeiros em greve acabam de ligar ao blog informando que vão receber a bala os homens do Exército que estão, nesse momento, se dirigindo para a Assembleia. O clima é tenso  no local e pode haver enfrentamento...".

Improbidade Administrativa: Prefeito de São Francisco do Brejão-MA foge de intimação da Justiça

Justiça procura Alex para intimá-lo de processo de improbidade administrativa em Brejão.

alex_santos
Alex, anda "sumido"
Na cidade de Brejão, o prefeito Alexandre Araújo dos Santos, o "Alex", segundo se comenta na cidade, anda "sumido". Segundo consta o motivo, além das inúmeras cobranças administrativas da população e do fucionalismo público, seria desta feita também para não ser notificado pela Justiça de uma Ação Civil Pública movida pelo Ministério Público Estadual do Maranhão, que estaria sendo movida contra sua pessoa por ato de improbidade administrativa.

Vejam a íntegra da notificação:

Trata-se de ação civil pública por ato de improbidade administrativa proposta pelo Ministério Público Estadual em desfavor de ALEXANDRE ARAÚJO DO SANTOS,  apontando irregularidades na gestão do requerido na Prefeitura de São Francisco do Brejão. 
A inicial veio instruída com os documentos de fls. 05/11. Notificado, na forma do artigo 17, §7º da Lei n. º 8.429/92, o demandado apresentou manifestação às fls. 16/18. Vieram-me conclusos os autos. Brevemente relatado. 

Decido. Consoante dito, trata-se de ação civil pública por ato de improbidade administrativa em que o Ministério Público Estadual atribui ao demandado a prática de ato de improbidade administrativa, requerendo, desse modo, a aplicação das sanções do artigo 12, inciso III da Lei n. º 8.429/92. ( Ressarcimento integral do dano, se houver, perda da função pública, suspensão dos direitos políticos de três a cinco anos, pagamento de multa civil de até cem vezes o valor da remuneração percebida pelo agente e proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo prazo de três anos.), Nesse contexto, analiso o cabimento da presente ação civil pública. Dispõe o artigo 17, § 8º da Lei n. º 8.429/92: "Art. 17 (...). § 8º .

Recebida a manifestação, o juiz, no prazo de trinta dias, em decisão fundamentada, rejeitará a ação, se convencido da inexistência do ato de improbidade, da improcedência da ação ou da inadequação da via eleita." Assim, três são as hipóteses que autorizam a rejeição liminar da inicial: inexistência de ato de improbidade; improcedência da ação e inadequação da via eleita. Nesta análise perfunctória, entendo que há indícios suficientes para que o Ministério Público, na busca da defesa do patrimônio público, ingressa com a presente ação, consoante dispõe o artigo 17, §6º da Lei n. º 8.429/92, o qual prevê que a ação será instruída com "(...) documentos ou justificação que contenham indícios suficientes da existência do ato de improbidade (...)".  

Com efeito, os documentos que acompanham a peça portal contêm suficientes indícios de improbidade administrativa praticada pelo réu. Desse modo, em não sendo nenhuma das hipóteses previstas no artigo 17, § 8º da Lei n. º 8.429/92, é de se receber a presente inicial de ação civil pública por ato de improbidade administrativa. 

Cite-se o demandado, para, querendo, no prazo de 15 (quinze) dias, apresentar contestação, cientificando-lhe que uma vez não contestada a ação presumir-se-ão como verdadeiros os fatos articulados na inicial (CPC, artigos 285 e 319 c/c 17 §9º da Lei n. º 8.429/92).

Cientifique-se o Ministério Público. Cumpra-se. Açailândia(MA).

Angelo Antonio Alencar dos Santos
Juiz de Direito Resp: 019608 

(Informação extraída do Blog Rei dos Bastidores)

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Governo endurece cada vez mais contra grevistas


A resposta do governo às reivindicações dos militares e dos bombeiros foi fulminante.


O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Arnaldo Melo (PMDB), ainda não tinha sequer concluído seu encontro com a governadora Roseana Sarney (PMDB), quando clamou pelo entendimento entre as partes, quando o coronel Edilson Moraes Gomes, certamente orientado pelo comandante da tropa, protocolava, na Procuradoria Geral de Justiça, representação solicitando que fosse pedida à Justiça Militar a prisão dos coronéis e líderes do movimento grevista.
 
Estão passíveis de terem as prisões decretadas a qualquer momento Ivaldo Barbosa, Francisco Melo da Silva, Antonio Ferreira Brandão, Raimundo Constâncio Castro, Roberto Campos Filho, Antonio Nascimento Santos Filho, Alexandre Henrique Rios Leite e Jean Marry Serejo Santana.

A iniciativa da governadora, de radicalizar e querer dobrar na força a categoria, na avaliação de políticos experientes, que preferem deixar o abacaxi para Roseana descascar, só vai fazer acirrar ainda mais o confronto. Os militares já anunciaram que o movimento continua.

Leia mais:


Livro "Perfil Econômico de Imperatriz será lançado dia 26


Livro traça o perfil socioeconômico de Imperatriz e aponta rumos para investimentos
Vista parcial de Imperatriz - foto do site http://www.skyscrapercity.com
A projeção do PIB per capita para Imperatriz é de R$ 9,3 mil por pessoa. Isso se deve a nova fase econômica da cidade, marcada pela chegada de novos empreendimentos. Esse dado faz parte do livro “Perfil Imperatriz – aspectos socioeconômicos” que será lançado no dia 26 de novembro, no Palace Eventos, a partir das 20 horas. O material produzido pela ACII é a nova fonte de informação socioeconômica, histórica, geográfica, demográfica e empresarial do município.
Passarela da BR-010, em Imperatriz - Foto do sitehttp://www.skyscrapercity.com
O projeto é fruto do trabalho de um ano e meio de uma equipe que inclui diretores da ACII e parceiros - Governo do Estado, Prefeitura Municipal, Banco do Nordeste, Sebrae, Vale e Suzano Papel e Celulose. O livro representa mais um passo para a consolidação de um município favorável ao desenvolvimento econômico e o estabelecimento de indicadores sociais positivos.
Imperatriz-Ma, foto do site http://www.skyscrapercity.com
No próximo ano Imperatriz completará 160 anos de fundação e até então não tinha um estudo aprofundado de seus aspectos econômicos. Havia carência de um documento formal que servisse como cartão de visitas para atrair investimentos que promovam o desenvolvimento da cidade. Agora, o livro será uma luz para as empresas que estarão atualizadas com essas informações. 
Gilson Kit, presidente da ACII
O presidente da ACII, Gilson de Sousa Ky, afirma que a entidade se propôs confeccionar um diagnóstico da realidade de Imperatriz. “A intenção ao organizar essa obra foi oferecer uma ferramenta sistemática que sinalize o potencial dos crescimentos dos mercados locais. Faltava na cidade uma base de dados consolidada que servisse de suporte ao planejamento estratégico, para investimentos públicos e privados”, comenta.
Parceiros
Seis instituições de ensino da cidade – Facimp, Fama, Fest, UEMA, UFMA e Unisulma - foram parceiras na composição dos dados. Após treinamento, 21 acadêmicos entrevistaram três mil empresas, aproximadamente 30% do total do município. Ao mesmo tempo, a Fundação Getúlio Vargas traçou uma radiografia do universo financeiro, que servirá de subsídios para analisar a realidade local.
.Consumidor
O “Perfil Imperatriz – Aspectos Socioeconômicos” também apresenta a primeira pesquisa sobre o comportamento do consumidor imperatrizense. A avaliação teve o objetivo de levantar informações sobre expectativa de consumo, formas de pagamento, entre outras informações.
“Além de fonte de pesquisa, esse Perfil de Imperatriz concretiza um trabalho de alta relevância para a valorização da imagem da cidade, através da comunicação positiva a ser propiciada, com reflexos diretos sobre a evolução da economia local. As empresas que desejarem se instalar cidade agora tem essas informações a sua disposição”, enfatiza Kyt.
Descrição
O livro é composto por 300 páginas no formato A4, separados por capítulos denominados: Aspectos Socioeconômicos, Históricos, Geográficos, Demográficos e Gestão Empresarial. A obra inclui, ainda, fotografias atualizadas do município, anexos estatísticos, além da história de fundação e atividades da Associação Comercial e Industrial de Imperatriz.
“Gerenciamos todas as fases deste projeto, desde o planejamento à impressão. Cuidamos para que o produto final fosse condizente com os esforços da elaboração do projeto. O Perfil de Imperatriz está em um material de boa qualidade. As pessoas terão prazer em ler e verificar as informações contidas no livro”, explica o coordenador da Pesquisa do Perfil, Eduardo Sousa, 
A obra será comercializada na ACII no formato impresso, com impressão especial em papel reciclado, com verniz localizado. O livro estará disponível também em formato digital, em cd e em pdf no site do Perfil Imperatriz. A primeira tiragem será de 3 mil exemplares que serão distribuídos pela diretoria da entidade a empresários e autoridades municipais, estaduais e federais. Quem tiver interesse pode entrar em contato com a Associação para obter orientações na compra.
A cerimônia oficial de lançamento, no dia 26 de novembro, será exclusiva para associados, parceiros e imprensa. Na oportunidade a diretoria da ACII apresentará um documentário do Perfil Imperatriz e realizará a entrega do livro para os parceiros do projeto. (da assessoria)

Ex-Juiz critica celeridade com que a justiça maranhense decretou a ilegalidade da greve dos policiais militares e bombeiros

O ex-juiz de Direito, Jorge Moreno, criticou duramente a rapidez com que o Tribunal de Justiça do maranhão se apressou em decretar a ilegalidade da greve dos PMs e Bombeiros. Veja o que diz Jorge Moreno:

Numa celeridade impressionante, de deixar qualquer piloto de fórmula 1 boquiaberto, o Tribunal do Maranhão decretou a ilegalidade da greve dos policiais militares e bombeiros, logo nas primeiras horas do dia de hoje, ao "apreciar" ação "ajuizada" pelo Governo do Estado no dia de hoje (24). 

Apenas para lembrar aos desavisados: a greve foi deflagada no dia de ontem (23) à noite, quando da realização da assembléia geral da categoria. Coisa impressionante mesmo! São os novos tempos do judiciário maranhense, aliás tão propagado em outdoors e comerciais; célere, transparente, operoso, imparcial, próximo do cidadão. Não duvide nunca: milagres acontecem!

Informe sobre a paralisação dos policiais militares e bombeiros do MA





Cerca de 1.700 policiais militares e bombeiros e familiares destes estão neste momento na Assembleia Legislativa, depois de terem ocupado a Casa ontem após decidirem paralisarem suas atividades por tempo indeterminado. Parlamentares fazem discursos de apoio ao movimento.
No início da sessão plenária da AL, os militares lotaram a galeria e interromperam o pronunciamento do deputado Bira do Pindaré para cantarem o Hino Nacional. Não há desordem no local.
Os militares se concentram no térreo da Assembleia, onde fica o saguão. Alguns assistem a transmissão da TV Assembléia através de um enorme aparelho de televisão. Outros conversam com a Imprensa. Muitos se concentram também na área externa, no estacionamento.

Em São Luís, cerca de 90% dos militares pararam. A adesão é grande também em várias cidades do interior, como Imperatriz, Timon, Bacabal, Santa Inês, Barra do Corda, Caxias, Pedreiras, Balsas.

Nas ruas da capital é possível ver carros com homens da Força Nacional e poucos PMs.

Sem coletes a prova de balas, cadetes foram destacados para logradouros públicos a vista da população para dar falsa sensação de segurança.

Até agora o governo do Estado não se manifestou para intermediar qualquer acordo com a categoria. 


Líderes do movimento afirmam que permanecerão na Assembléia até o Governo Roseana Sarney atender as reivindicações.

O governo, como sempre utilizando-se da Justiça para intimidar e fazer pressão, por decisão do desembargador José Stélio Nunes Muniz, em resposta a ação protocolada pelo Governo do Estado, a paralisação foi considerada ilegal. Foi determinada, ainda, multa no valor de R$ 200, para cada manifestante, por dia sem trabalhar.

Incêndio em Unidade Móvel na 'Cidade da Saúde'

No facebook, o secretário de Estado da Sáude, Ricardo Murad informou que um veículo unidade móvel teria pegado fogo na "Cidade da Saúde. O secretário não informou as circunstancias do sinistro apenas disse que o fogo já teria sido controlado...
 

Grevistas da PM e Bombeiros interditam a Belém Brasília em Imperatriz

Belém Brasília interdita pela PM e bombeiros em greve
A cidade de Imperatriz aamanheceu sob forte barulho. Em carreata, centenas de  PMs e Bombeiros percorreram as ruas da cidade em motos e carros promovendo um buzinaço, depois  interditaram a Rodovia Belém-Brasília, na altura da Ponte do Riacho Cacau. 

A interdição (não sei se já terminou)  deveria perdurar por cerca de 2 horas, conforme a coordenação da greve em Imperatriz. 

Todas as viaturas do 3º BPM, se encontram estacionadas no Quartel do 50º BIS, para onde foram levadas para que através de piquetes os grevistas impedissem a saída do Quartel. Os 42 policiais da Força Nacional, estão de prontidão para qualquer eventualidade.

A greve dos militares foi reiniciada na noite de ontem, quarta-feira (23), em todo o Maranhão. Em Imperatriz centenas de Policiais e Bombeiros Militares acamparam em frente ao Quartel do 3º BPM, ponto central dos grevista.

Caso Sandes: Polícia Civil mantem sigilo total sobre as investigações

A Polícia Civil, através do delegado Francisco de Assis Ramos e sua equipe de investigadores, intensificou as investigações para apurar o bárbaro assassinato de que foi vítima Sandes Emanuel Queiroz da Silva.
 
Delegado Assis Ramos
Assis Ramos informou, entretanto, que as investigações estão sendo mantidas em sigilo, para que não sejam atrapalhadas. “O que posso dizer é que as investigações estão bem avançadas, mas infelizmente nada pode ser divulgado, mesmo porque tudo ainda está na fase embrionária”, informou Assis Ramos.
 
O delegado informou também a O PROGRESSO que as imagens da câmera de segurança da agência Bradesco do Entroncamento ainda não estão em poder da polícia, porque a administração do banco disse que só poderá fornecê-las através da Justiça. Por isso, o delegado Assis já fez a solicitação. A Polícia Judiciária está trabalhando em três vertentes para a elucidação do crime.
 
Corpo de Sandes Queiroz
O corpo de Sandes Emanuel foi encontrado na manhã de terça-feira (22) em um matagal a cerca de 30 km do centro de Dom Eliseu, Estado do Pará, já em adiantado estado de putrefação.
 
De acordo com o médico legista Anatole Borges, a morte de Sandes Emanuel foi provocada por traumatismo craniano encefálico, feito por objeto contundente. Mas o médico informou que, devido ao estado em que se encontrava o cadáver, não foi possível definir qual o objeto usado, podendo ser pauladas ou projétil de arma de fogo.
 
O sepultamento do empresário aconteceu nessa quarta-feira (23) pela manhã, no cemitério Jardim das Rosas. O féretro foi acompanhado por centenas de pessoas, entre parentes e amigos, que foram se despedir de Sandes. A imprensa não teve acesso ao local onde o corpo foi velado na área da Igreja de Santa Teresa D’Ávila. As imagens só puderam ser feitas do lado de fora. (Jornal O progresso)