segunda-feira, 16 de junho de 2014

CORONEL MELO SE DESPEDE DA POLÍCIA MILITAR E LANÇA CANDIDATURA A DEPUTADO ESTADUAL

Francisco Melo
Em carta publicada na rede social Facebook, o Coronel da Polícia Militar Francisco Melo se despede da corporação ao dizer que entra para a reserva remunerada, mas afirmando que não vai ficar de braços cruzados, continua na luta por um Maranhão melhor,  sai candidato a deputado estadual pelo partido Solidariedade:

NÃO VOU LHES DIZER ADEUS... POIS CONTINUO MARCANDO LUGAR NA LUTA QUE APENAS COMEÇOU...

Obrigado ao meu Deus, à minha família, à minha querida e amada Polícia Militar do Maranhão, aos meus amigos e a todos que contribuíram com o meu sucesso profissional e pessoal. Sou eternamente grato a todos. 

Depois de quarenta anos de efetivos serviços públicos prestados ao povo do meu Estado e do País, chegou a hora da tão sonhada aposentadoria. Não por falta de querer continuar na atividade ou de condição física ou de saúde, mas por que a Lei me impõe passar para a reserva remunerada ao completar oito anos no posto de Coronel. 

No início de 1974, com apenas 18 anos de idade, ingressei na vida pública, começando no Tiro de Guerra, na cidade de Caxias Maranhão, passando de imediato para a Polícia Militar do Maranhão. Fui Soldado, Sargento, Tenente, Capitão, Major, Tenente Coronel e Coronel. Antes de ingressar na vida pública tive outras experiências de vida. Fui lavrador, vendedor de picolé, de cheiro verde, de pastel, de suco, de caldo de cana, auxiliar de sapateiro, ajudante de pedreiro e empregado doméstico em casa de família, tudo isso para ganhar a vida com dignidade. 

Na polícia exerci várias funções, como exemplo, a de Comandante do 3º Batalhão de Polícia Militar, na cidade de Imperatriz, Comandante do Policiamento Metropolitano, Secretário-Chefe da Casa Militar e Comandante Geral da Polícia Militar, no Governo Jackson Lago. Lutei com todas as armas da legalidade, da ética e da moralidade, para melhorar a Segurança Pública do meu Estado, pois todos sabem do meu empenho, do meu compromisso, do meu envolvimento com esta causa pública. 

Durante todo esse tempo não vi nenhum Governante demonstrar interesse em melhorar a Segurança Pública do Maranhão. Todos não passaram do básico, quando muito, limitavam-se a comprar viaturas, armamentos e alguns equipamentos, mesmo assim várias cidades do interior do Estado não recebem nem o básico. Os Governantes sempre se esquecem do principal, qual seja, uma política de valorização dos profissionais de Segurança Pública, haja vista que por mais que seja inovadora a tecnologia, neste campo, ela não contribui mais do que 20% para um bom resultado, ficando os 80% sob a responsabilidade e habilidade dos Policiais, ou seja, dos operadores do Sistema de Segurança Pública. 

Em pleno século XXI, quando se fala em todos os cantos do País, que vivemos num Estado Democrático de Direito, a senhora Governadora Roseana Sarney, ignorando todas as garantias constitucionais da livre manifestação de pensamento, DETERMINOU A MINHA PRISÃO. Foi uma prisão ilegal, arbitrária e por vingança política. Mesmo diante de tamanha arbitrariedade que tinha como objetivo neutralizar o movimento de paralisação dos Policiais e Bombeiros Militares, bem como me desmoralizar, tendo em vista que mandou noticiar minha prisão em todos os meios de comunicações do nosso Estado, mas nem com a dita prisão ela conseguiu me intimidar e nem tampouco me curvei ou me rendi aos caprichos da Governadora Roseana Sarney, pois estava na defesa dos direitos de nossa categoria e do POVO. 


Aos 58 anos de idade, em pleno gozo de minhas condições físicas, de saúde e mentais e depois de cumprir com o meu dever e obrigação de Policial Militar, é chegada a hora de buscarmos novas metas e encarar novos desafios para continuarmos lutando pelo bem estar de todos. Diante do cenário político que é marcado pela desconfiança naqueles que exercem mandatos ou funções políticas e dada minha experiência na vida pública, decidimos colocar o nosso nome como pré-candidato a Deputado Estadual, na certeza de que se não decepcionei como Policial não os decepcionarei como Político. 

Para tanto, conclamo a todos a entrar nessa luta que começa com a convenção do Partido da Solidariedade, para homologação da nossa candidatura a Deputado Estadual, no dia 20 de junho, a partir das 18 horas, na cidade de Pedreiras Maranhão, com a presença do nosso pré-candidato a Governador Flávio Dino. Avante, Avante Maranhão!

Nenhum comentário: