segunda-feira, 14 de agosto de 2017

PORTO FRANCO! MINISTÉRIO PÚBLICO PEDE AFASTAMENTO E CONDENAÇÃO DO PREFEITO NELSON HORÁCIO E MAIS TRÊS VEREADORES POR IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA

Entre as penas previstas estão a perda dos bens ou valores acrescidos ilicitamente ao patrimônio, ressarcimento integral do dano, perda da função pública, suspensão dos direitos políticos de oito a dez anos, pagamento de multa de até três vezes o valor do acréscimo patrimonial e proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo prazo de dez anos.

A 1ª Promotoria de Justiça da Comarca de Porto Franco acionou, em 11 de julho, o atual prefeito do município, Nelson Horácio Macedo Fonseca, e os vereadores Gedeon Gonçalves dos Santos, Semeão Sobral Vilela e Francisco Elias de Sá Sousa por improbidade administrativa. Os três estariam recebendo do prefeito um “mensalinho” de R$ 3 mil em troca de apoio à administração municipal.

O esquema teria sido acertado durante uma reunião, em um restaurante de Imperatriz-MA, em 19 de abril deste ano. Além do prefeito e dos envolvidos, também participaram da reunião os vereadores Nalva Veras da Silva Morais, Felipe Mota Aguiar e Rubens Sá Pereira, que gravaram toda a conversa.

O acerto seria uma tentativa de Nelson Fonseca para diminuir o desgaste criado na época da eleição para presidente da Câmara Municipal, na qual teria havido interferência direta do chefe do Executivo. Além disso, o prefeito estaria se ressentindo de falta de apoio no Legislativo municipal diante de uma série de desgastes sofridos pela administração, como o corte salarial de servidores, a não lotação de servidores efetivos e suspeitas sobre os processos licitatórios para realização do Carnaval 2017.A reunião é finalizada com uma conversa entre o prefeito Nelson Horácio e os vereadores Nalva Morais e Felipe Aguiar na qual o prefeito questiona em qual conta poderia efetuar o pagamento desses valores mensais aos vereadores denunciantes, tendo o prefeito Nelson Horácio mencionado que tais valores seriam retirados da conta do Fundeb, concluindo que contas bancárias de professoras seria a melhor indicação”, observam os promotores de justiça Ana Cláudia Cruz dos Anjos, titular da 1ª Promotoria de Porto Franco, e Paulo Roberto da Costa Castilho, integrante do Núcleo Regional de Atuação Especializada da Probidade Administrativa e Combate à Corrupção (Naepac), que assinam a Ação Civil Pública (ACP).

REPRESENTAÇÃO

Além da Ação Civil Pública, o caso resultou em uma Representação à Câmara Municipal pela cassação dos mandatos do prefeito e dos três vereadores, que foi arquivada. Em Mandado de Segurança, a Justiça determinou que a Representação fosse desarquivada e o presidente da Câmara, Gedeon dos Santos, passasse a presidência dos trabalhos ao segundo secretário, que convocaria os suplentes dos denunciados e deveria submeter a denúncia ao plenário. A decisão judicial, no entanto, não foi cumprida.

O autor da representação junto ao Legislativo, por sua vez, foi ameaçado e intimidado pelo motorista do prefeito e por um enteado do vereador Semeão Vilela, no dia 6 de julho, no entroncamento de acesso a Porto Franco.

PEDIDOS

Na ACP, o Ministério Público do Maranhão requer, como medidas liminares, o afastamento do prefeito e dos vereadores dos seus cargos, a indisponibilidade dos bens , além da quebra dos sigilos bancários e fiscais dos envolvidos.

“No áudio da conversa entre os envolvidos ficou plenamente demonstrada a negociação realizada entre as partes para que fosse efetuado pagamento de vantagem indevida mensalmente aos vereadores da base aliada do prefeito Nelson Horácio, razão pela qual se pode falar em ‘mensalinho’ no município de Porto Franco, pago pelo prefeito aos seus vereadores”, enfatizam os promotores de justiça..

Entre as penas previstas estão a perda dos bens ou valores acrescidos ilicitamente ao patrimônio, ressarcimento integral do dano, perda da função pública, suspensão dos direitos políticos de oito a dez anos, pagamento de multa de até três vezes o valor do acréscimo patrimonial e proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo prazo de dez anos.


Redação: Rodrigo Freitas (CCOM-MPMA).

quinta-feira, 10 de agosto de 2017

VALÉRIA MACEDO APROVA A APLICAÇÃO DA LEI MARIA DA PENHA PEDE MAIS IML'S PARA MUNICÍPIOS MARANHENSES

A deputada voltou a chamar a atenção para a necessidade de mais investimentos na polícia científica e técnica do estado.

Assecom/ Dep. Valéria Macedo

Na última quarta-feira (9), durante a semana que se comemora os 11 anos de sanção da Lei Maria da Penha, dia 7 de agosto, a deputada e procuradora da mulher, Valéria Macedo usou a tribuna da Assembleia Legislativa para avaliar os números de casos de violência contra a mulher no âmbito familiar e doméstica e as estruturas existentes no Maranhão. 

As formas mais comuns de violência contra mulher são as ameaças, as lesões corporais, os crimes contra a honra e o feminicídio. O Brasil ocupa a quinta posição do país que mais mata mulheres no mundo, ficando apenas atrás de El Salvador, Colômbia, Guatemala e Rússia. As estatísticas no Brasil são sombrias e alarmantes, são 13 mulheres assassinadas por dia, uma a cada duas horas e em grande número constituído pela população economicamente desfavorecida e negra.

“São números alarmantes, números que realmente nos envergonham e nos deixam indignadas pelo fato de tantas mulheres sofrerem esse tipo de violência, de tantas mulheres estarem sendo mortas no Brasil e termos aí uma lei que realmente é uma das melhores do mundo no combate à violência contra a mulher, mas ainda não temos as condições materiais para combater essa chaga”, reiterou a parlamentar.

A deputada ressaltou alguns avanços no estado em relação ao combate à violência contra a mulher, como a Secretaria de Estado da Mulher, Departamento de Feminicídio na SSP/MA com o objetivo de coibir os crimes contra as mulheres em razão do gênero e a Patrulhar Maria da Penha, que foram implantados pelo governo Flávio Dino. Além das 19 Delegacias da Mulher em todo o estado do Maranhão e própria Procurador da Mulher na Assembleia, que dentre outras atribuições, compete combater a violências contra mulheres em todo o estado.

“Nós temos a Coordenadoria das Delegacias da Mulher que tem à frente a delegada muito atuante, a delegada Kazume Tanaka. A patrulha Maria da Penha vinculada ao comando da Segurança Comunitária da Polícia Militar do estado que deve dentre as suas atribuições: proteger as mulheres vítimas da violência, fazer cumprir as medidas protetivas expedidas pelo Poder Judiciário, realizar o acompanhamento das mulheres até os órgãos de assistência e repressão policial”, enfatizou.

A deputada lembrou também da Casa da Mulher Brasileira que será inaugurada no dia 15 de agosto, que vem somar esforços nas ações no trabalho de enfrentamento no combate a violência contra a mulher. “O governo Flávio Dino, com o Governo Federal, com a Secretaria Federal da Mulher, com o Ministério da Mulher que está junto com a Secretaria Estadual da Mulher fazendo esta parceria para que nós possamos entregar o mais breve possível a Casa da Mulher Brasileira que vai ter todo o aparato Judiciário, todo o aparato da Justiça, dos órgãos, dos conselhos, do próprio acolhimento dessas mulheres aqui vítimas de violência doméstica e familiar, tivemos avanços significativos”.

A deputada frisou sobre alguns dados de violência contra a mulher no estado, de acordo com a delegada Kazumi Tanaka, que somente este ano de janeiro a julho, já foram registrados na Delegacia da Mulher, na capital, 2.357 casos de violência contra as mulheres, que por dia são registradas, em média, 15 a 20 queixas contra as agressões físicas e psicológicas. Em 2005 foram 4.187 casos de violência, e em 2016 foram 4.423 casos, isso apenas na delegacia da capital.

IML

A deputada voltou a chamar a atenção para a necessidade de mais investimentos na polícia científica e técnica do estado. Cobrou a instalação do Instituto Médico Legal (IML) dos municípios de Caxias e Santa Inês, pois apesar de terem sido criados por lei ainda não foram implementados efetivamente.

Por isso, a deputada pede a criação por lei e a instalação de IML e as nos municípios de Barreirinhas, Região dos Lençóis, Pinheiro, região da Baixada maranhense, Codó, Região dos Cocais, Presidente Dutra, Região do Maranhão Central e Balsas no sul do Estado do Maranhão. “Sem investimentos na Polícia Científica não há como combater com eficácia os crimes em geral e, em particular, os crimes contra as mulheres, pois a prova testemunhal é muito precária e as pessoas tem medo ser testemunhas, de modo que temos que investir nos órgãos que produzem a prova técnica e científica para não ficarmos na máxima popular, segundo a qual a polícia prende o e Judiciário solta”, disse a deputada. 

“Balsas é uma das nossas grandes reivindicações para instalação do IML e o ICRIM, porque Balsas fica no extremo sul do Estado, é muito longe para Imperatriz para ser atendido pelo IML, pelo ICRIM de Imperatriz. Nós sabemos que há investimento nesse sentido, mas são investimentos realmente que precisam, que a população clama da Região Tocantina, a região Sul do Estado há muito tempo e Balsas precisa muito. Em todas essas regiões populosas que têm os números alarmantes de criminalidade, principalmente de violência contra a mulher”.

A deputada finalizou destacando os motivos para comemorar a Lei Maria da Penha, “criou novos institutos, organismos novos, novas estruturas, além disso, possibilitou uma discussão pública para que as pessoas pudessem identificar a violência vivenciada pelas mulheres em todo país, de um lado e de outro, para que a sociedade, sensibilizada com esses problemas, passasse a cobrar dos estados os instrumentos previstos na lei federal e as indispensáveis lutas. Sabemos que vidas foram salvas em razão da existência desta lei”.

quarta-feira, 9 de agosto de 2017

DEOCLIDES MACEDO QUER QUE AS HIDRELÉTRICAS DE SERRA DA MESA, LAJEADO, ESTREITO E TUCURUÍ LIBEREM AS ÁGUAS REPRESADAS DO RIO TOCANTINS

"ESSA MEDIDA, MESMO QUE SEJA POR POUCO TEMPO AJUDARÁ A MANTER O RIO VIVO E ATENDERÁ AS NECESSIDADES MÍNIMAS DE SOBREVIVÊNCIA  DA POPULAÇÃO RIBEIRINHA, SEM PREJUDICAR A PRODUÇÃO DE ENERGIA QUE ABASTECE A REGIÃO", DIZ O DEPUTADO.
Preocupado com a grande seca que assola o Rio Tocantins, o deputado federal Deoclides Macedo (PDT-MA) esteve nessa terça-feira (8), na Agência Nacional de Águas –ANA – em reunião com o diretor da Área de Hidrologia, Ney Maranhão para solicitar junto ao órgão providências para que as hidrelétricas de Serra da Mesa, Lajeado, Estreito e Tucuruí liberem parte das águas represadas do Rio Tocantins.

"Acredito que essa medida, mesmo que seja por pouco tempo, ajudará a manter o rio vivo e atenderá as necessidades mínimas de sobrevivência da população ribeirinha dos municípios de Estreito, Porto Franco, Campestre do Maranhão, Ribamar Fiquene, Ribeirãozinho e Imperatriz, sem prejudicar a produção de energia que abastece a região", disse o deputado em encontro com as autoridades da Agência Nacional de Águas –ANA.

Breve matéria completa sobre o assunto.

CAOS NA SAÚDE IMPERATRIZENSE FOI ALVO DE DEBATES NA CÂMARA DE VEREADORES

Além do despreparo falta transparência na gestão Assis Ramos

Rildo Amaral
Bispo Eudes
O clima esquentou ontem, terça-feira, na Câmara Municipal de Imperatriz quando o vereador Bispo Eudes resolveu subir à tribuna para fazer uma ardorosa defesa da gestão do prefeito Assis Ramos, especificamente no que diz respeito à Saúde municipal. Não deu outra: Vários apartes foram feitos apoiando ou contradizendo o vereador.
Em seguida o vereador Rildo Amaral Também foi á tribuna e fez duras críticas ao prefeito, mais uma vez classificando-o de "Estagiário de prefeito" e denunciando que a saúde está um caos  no atendimento, com falta de médicos e medicamentos e a suspensão de cirurgias ortopédicas no Hospital Municipal de Imperatriz (Socorrão).

“Vejo os colegas dizendo que a situação melhorou, mas basta ir lá para ver o que está acontecendo. Agora vejo falar em revolução na saúde”, criticou, elencando uma série de denúncias que já vem trazendo a público tem semanas, como falta de profissionais e medicamentos e suspensão de cirurgias. 

O vereador Alberto Sousa (PDT), governista, chegou a pedir a saída do médico Alair Firmiano do comando da Secretaria Municipal de Saúde. 

Já o vereador Zesiel Ribeiro (PSDB), corroborou com as criticas de Rildo amaral e disse que o problema transcende ao município por ser uma questão nacional gerada pela falta de recursos e gerenciamento incorreto.

O vereador Ricardo Seidel (Rede) fez dura intervenção e atacou o governo municipal, lembrando que na campanha eleitoral o atual prefeito pregava moralidade e honestidade. “Ele dizia que o dinheiro existia, bastava honestidade. E agora? Tem desonestidade?”, questionou, afirmando que a população está sofrendo com o caos instalado na saúde e que a situação requer urgência. 

Finalizando os trabalhos o presidente da Câmara, José Carlos Soares, lamentou a situação na saúde, mas ressaltou os investimentos executados pelo governo do estado que têm amenizado a demanda em algumas especialidades e os repasses diretos determinados pelo governador Flávio Dino. “Sabemos que, para o tamanho de Imperatriz, nada é muito, mas temos que reconhecer o esforço e ajuda que o governador tem feito pela saúde de Imperatriz”, declarou.

Além do despreparo falta transparência

Além do evidente despreparo dos que estão á frente da saúde municipal, nota-se ainda a falta de transparência na gestão. Por exemplo, na manhã desta quarta-feira release publicado sob a responsabilidade da Ascom do município divulga com estardalhaço que o Socorrão acaba de receber "equipamentos de alta precisão". 

O secretário de saúde Alair Firmino chegou a utilizar o velho Jargão "Nunca antes na história...". De acordo com Alair, “esse momento é extraordinário. Em 165 anos de Imperatriz, a rede pública de saúde nunca contou com esses procedimentos e a gestão Assis Ramos teve essa iniciativa.

Ok, mas perguntar não ofende:
Quanto custou? Quem pagou ou providenciou os recursos? Teve licitação, de que forma os aparelhos foram adquiridos?

Isso não foi dito na matéria como manda o bom jornalismo e as regras da transparência e da moralidade administrativa que deve dar publicidade completa aos atos administrativos da municipalidade.

segunda-feira, 31 de julho de 2017

BANCO DO BRASIL, ATÉ QUANDO VAI CONTINUAR DESRESPEITANDO IMPUNEMENTE SEUS CLIENTES?


Mais um caso de desrespeito ao consumidor, desta feita pelo Banco do Brasil, o maior banco estatal do país, que passa dois dias sem abastecer seus caixas eletrônicos e não dá nenhuma satisfação aos seus clientes: O editor deste blog resolveu botar a boca no trombone e exigir um posicionamento do BB, do Procon-MA e do  MPE (Promotoria do Consumidor). Até quando vamos aceitar passivamente tudo isso?



terça-feira, 25 de julho de 2017

O GOVERNO DA TURQUIA ACABA DE PRENDER ÖZLEM, UMA FUNCIONÁRIA DA AVAAZ! VAMOS LIBERTÁ-LA

Özlem está sendo mantida na prisão sem acusações formais, apenas por ter participado de uma reunião de defensores dos direitos humanos. 

Para o governo turco, ela é só uma pessoa pega numa ação repressiva contra a sociedade civil. Mas, se construirmos um enorme apelo internacional e usarmos a mídia para torná-la famosa, ela vai ganhar a atenção que merece, e se tornar uma dor de cabeça inesperada para esse governo em crise.

Entregaremos nossa petição a Federica Mogherini, representante de Relações Exteriores da UE semana que vem, antes de uma reunião crucial com a Turquia -- adicione seu nome agora e vamos libertar a Özlem: 


O presidente turco Erdogan está atacando e prendendo milhares de pessoas que discordam de seu governo. Agora Özlem caiu nessa rede repressiva junto de outros 9 defensores dos direitos humanos, mas ela é um peixe pequeno para o governo turco. Na medida em que reuniões críticas de acordos comerciais entre a Turquia e a União Européia se aproximam, a última coisa que Erdogan precisa é uma dor de cabeça internacional sobre alguém que ele provavelmente nunca ouviu falar. 

Para nós, Özlem significa muito! Ela trabalha na Avaaz porque compartilha muitos dos nossos valores. Há anos ela trabalha duro por um mundo onde as pessoas possam se manifestar por paz, justiça e direitos humanos, e não serem presas por isso. Ela deu vida a centenas de nossas campanhas para nossa comunidade na Turquia. 

Agora, eles estão ameaçando acusá-la de terrorismo armado! O mais perto que Özlem já chegou de armas foram as usadas CONTRA ela nas diversas manifestações onde lutava por justiça.

Vamos defender a Özlem e todos que foram detidos com ela, colocando holofotes na sua prisão. Quando um milhão assinarem, entregaremos nosso pedido diretamente à representante de Relações Exteriores da UE antes da reunião na semana que vem, e aumentar nossa pressão -- Vamos libertar a Özlem: 


Nossa comunidade já agiu a favor de defensores dos direitos humanos no mundo inteiro, de norte a sul, de leste a oeste. Isso faz parte de nosso DNA, está no coração do nosso movimento. Agora uma de nós está em perigo e dependendo de nossa ajuda. Vamos nos unir como nunca pela Özlem e seus amigos. 

Com esperança,

Danny, Alex, Marigona, Luca, Emma e todo o time da Avaaz.

Mais informações:

Tribunal da Turquia mantém prisão de ativistas dos direitos humanos (Estadão)

ONU manifesta preocupação com prisão de defensores de direitos humanos na Turquia (ONU)

Berlim convoca embaixador da Turquia após prisão de ativista (UOL) 

Defensores de Direitos Humanos são presos na Turquia (Conectas)

quinta-feira, 20 de julho de 2017

NA REGIÃO TOCANTINA ROBERTO ROCHA RECEBE O PREFEITO DE GOVERNADOR EDISON LOBÃO, GERALDO BRAGA, FAZ VISITA DE CORTESIA AO JORNAL O PROGRESSO E PRESTIGIA A EXPOFRAN (PORTO FRANCO)

O prefeito de Governador Edison Lobão, Geraldo Braga (PC do B) foi recebido na tarde desta quarta-feira, 18, pelo senador Roberto Rocha (PSB) no seu escritório parlamentar, Em Imperatriz. Geraldo levou ao senador algumas demandas do município que encontram-se no Governo Federal. Do próprio senador, o prefeito recebeu a garantia de que as mesmas serão acompanhadas pelo gabinete em Brasília, para agilização.

O escritório de Imperatriz foi um compromisso de campanha do senador Roberto Rocha, para aumentar a integração do seu mandato com a população e a classe política da região sul do Maranhão. O Gabinete de Roberto Rocha em Imperatriz fica na Rua Coriolano Milhomem, esquina com a Barão do Rio Branco. ( Perto da Associação Médica) , no Centro da Cidade (Assessoria).

O senador passou parte da tarde de quarta-feira, 19, em Imperatriz. Além de receber o prefeito Geraldo Braga, o parlamentar visitou a redação do Jornal “O Progresso”.

Segundo matéria da edição desta quinta-feira, 20, do próprio jornal, "em conversa com a Editoria, Rocha reiterou o compromisso de fortalecer a relação de seu gabinete com a região. Lembrou que um passo importante foi dado em direção no dia 16 de abril, quando inaugurou na cidade seu escritório de representação política para recepcionar, não só a classe política, mas também para receber as demandas da região que careçam da sua interveniência parlamentar.

O senador declarou que as grandes causas do Estado e da região terão sempre seu apoio. Uma delas, ele garantiu ter abraçado desde o início do mandato, que tem sido uma espécie de cruzada pela preservação e revitalização dos rios maranhenses. 

O projeto SOS Águas do Maranhão, segundo o parlamentar, não é somente chamar a atenção para a preservação, mas buscar meios para revitalizar os rios maranhenses e suas nascentes. Dois encontros sobre o tema , um em São Luís e outro em Pedreiras, já foram realizados. 
Roberto Rocha confirmou que seu gabinete fará encontro similar em Imperatriz para discutir a situação ambiental do rio Tocantins.

Roberto Rocha confirmou a disposição de disputar a eleição de governador do Maranhão, no ano que vem".

Ontem ainda, Roberto esteve em  Porto Franco, onde se encontrou  com o deputado federal Deoclides Macedo (PDT), e aproveitou para visitar a Feira Agropecuária do município, Expofran, que teve inicio Sábado (15) e se estende até o próximo domingo (23).

quarta-feira, 19 de julho de 2017

CRIMES DE PISTOLAGEM E LATROCÍNIOS DESAFIAM A POLÍCIA EM IMPERATRIZ

O governo exibe e festeja números, mas a sensação é de insegurança. E, embora se reconheça que existem melhoras falta  por parte da Segurança Pública maranhense uma atitude mais firme contra a pistolagem.

Mais um assassinato na segunda maior cidade do Maranhão deixa perplexa a opinião pública e a sensação de insegurança toma conta novamente, pois a prática da pistolagem e do latrocínio continuam em alta. 

Valterli S. Silva
Na manhã desta terça-feira, 18/07) foi executado a tiros em seu próprio estabelecimento o empresário conhecido por Valterli Soares Silva, dono da 'Só Madeiras', empresa localizada na rua Padre Cícero, esquina com a rua Pernambuco, bairro Santa Rita. 

As primeiras informações dão conta que Valterli acabava de chegar na empresa dirigindo um caminhão e ainda dentro do veículo foi atacado por dois homens que entraram no pátio em uma motocicleta. A principio a polícia chegou a considerar a hipótese de que Valterli teria reagido a um assalto, mas depois essa versão foi descartada, já que os dois homens não levaram nada, só chegaram e fulminaram a vítima com três tiros. 

Uma testemunha ou parente da vítima contou a polícia que este teria se envolvido na briga de um casal e que por isso havia sido ameaçado de morte. Até o momento desta postagem a Polícia Civil ainda não tinha conseguido desvendar o crime que ceifou a vida de mais um pai de família.

Valterli não foi a única vítima: só este mês de julho já são cinco assassinatos

O Armário de crimes com gavetas entulhadas de impunidades é muito grande em Imperatriz, se formos nominar aqui, apenas nos últimos dois anos, não haverá espaço. Mas vamos lembrar apenas os crimes do mês corrente (julho) onde até esta terça-feira já tombaram 5 pessoas.



Dono de Bar é morto a tiros  


Manoel Barbosa
O primeiro crime deste mês, foi tipificado como latrocínio e aconteceu  por volta das 20hrs do dia 2/07 na Avenida Silvino Santis, Bairro Imigrante. A vítima foi um proprietário de um bar, Manoel Barbosa Pinto, alvejado ao reagir a um assalto praticado por dois elementos que estavam em uma motocicleta Biz.



Manoel Barbosa, foi alvejado com três tiros, chegou a ser socorrido dentro na ambulância mas infelizmente não resistiu aos disparos. 

A polícia fez rondas na tentativa de prender os bandidos, mas até hoje não conseguiu colocar as mãos neles.

Taxista é executado a tiros na porta de casa - O segundo assassinato do mês de julho, em Imperatriz, aconteceu na noite de terça-feira 11, após um hiato de 15 dias sem mortes violentas.


A vítima, José Enilson
A vítima foi o taxista José Enilson Queiroz, de 42 anos, conhecido por Baixinho. Ele foi morto a tiros, na porta de sua residência, no bairro Bacuri, por volta das 22h, logo após chegar em casa.

O taxista, que trabalhava no ponto de táxi do Tocantins Shopping, teria sido abordado por um indivíduo, que se aproximou numa moto pop de cor vermelha e desferiu vários tiros contra a vítima. Ele foi alvejado com dois tiros, um nas costas e outro na cabeça.


Chico Papada
O crime foi investigado e a Polícia Civil chegou ao autor, o homem conhecido como 'Chico Papada', após denúncias de populares que anotaram a placa da motocicleta usada no crime. E, através da placa chegou-se a proprietária, a partir daí, ocorreu a cadeia sucessória. A última pessoa que esteve de posse dessa moto foi o comerciante Francisco Pereira Costa, o Chico Papada, pessoa que já teve algum tipo de relacionamento com a vítima.

Chico Papada, que é comerciante de veículos e exerce agiotagem em Imperatriz, já tem passagens pela polícia. Inclusive, foi investigado na Operação Mercenários.  Em depoimento, o suspeito nega a participação na morte do taxista.
Comerciante é assassinado dentro do próprio estabelecimento comercial na Vila Vitória

O terceiro crime do mês de Julho foi registrado as 9hrs da manhã de sábado 15/07, tendo como vítima Roberto Ricardo, 34 anos, proprietário de um estabelecimento comercial situada na Vila Vitória, á poucos quarteirões da Delegacia de Homicídios daquele periférico.

A vítima foi alvejada com vários tiros, tendo morrido no local, sendo que os assassinos chegaram á pé e encapuzados.

Roberto tinhas três passagens pela polícia pelo crime de tráfico de drogas, já tendo inclusive sofrido uma tentativa de homicídio. Na última vez que foi preso foi no Bairro Leandra por tráfico, a polícia apreendeu droga e muita moedas dentro de um pote.

Ex-detento é assassinado a tiros no bairro Ayrton Sena, em Imperatriz 

Isaías Baruk
Nessa segunda-feira (17) aconteceu mais o quarto assassinato em Imperatriz. A vítima foi o ex-detento, identificado como Isaías Baruk Gomes, de 21 anos. Ele foi morto a tiros dentro da própria residência, na Vila Ayrton Senna.

De acordo com informações repassadas à polícia, os suspeitos, pelo menos quatro indivíduos, chegaram a pé e efetuaram os disparos. A vítima morreu antes da chegada do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

o autor do crime já foi identificado e preso, graças as imagens de câmeras de segurança. “Trata-se de um indivíduo, conhecido como 'Banguela'. Ele teria sido vítima, no ano passado, de uma tentativa de homicídio, praticada por Baruk. A motivação do crime foi vingança”.

A última prisão de Baruk aconteceu no dia 26 de fevereiro de 2017, no Parque Amazonas. Na época, ele foi preso suspeito de roubar uma motocicleta.

Ainda na noite dessa segunda-feira (17), o indivíduo 'Banguela' , suposto autor dos disparos contra Baruk, foi avistado pela Polícia Militar, chegou a trocar tiros, mas acabou sendo preso e autuado por homicídio. Além de Banguela, um outro suspeito também foi preso. A polícia não divulgou o nome e trabalha para saber se este também está envolvido no homicídio de Baruk. A polícia também investiga para identificar os demais suspeitos que participaram da ação criminosa, que terminou com a morte de Isaías Baruk.

Jovem é assassinado a tiros na Vila Fiquene 

Wanderson da Cruz
Mais um homicídio foi registrado em Imperatriz este mês de julho, subindo para cinco, o número de pessoas assassinadas. A vítima da vez, foi um jovem, identificado Wanderson da Cruz Sousa, de 21 anos, que foi morto a tiros, no bairro Vila Fiquene.

O crime aconteceu por voltas das 19h, dessa segunda-feira (17). A vítima ainda foi socorrida e levada em um carro particular ao Hospital Municipal de Imperatriz (HMI), mas acabou vindo a óbito, no centro cirúrgico.

De acordo com informações policiais, o jovem tinha várias passagens pela polícia. Inclusive, era parceiro de um outro bandido, também com várias passagens pela polícia, o ‘Banguela’, que foi preso nesse domingo, por envolvimento na morte de Isaías Baruk, praticada nessa segunda-feira (17).

Para a polícia, a morte de Wanderson da Cruz, que era conhecido como ‘Pixuca’ é acerto de contas. Ele estaria envolvido no assassinato de Baruk, juntamente com ‘Banguela’ e mais dois suspeitos.

A cidade quer uma resposta

O governo exibe e festeja números, mas a sensação é de insegurança, E, embora se reconheça que existem melhoras falta  por parte da Segurança Pública maranhense uma atitude mais firme contra a pistolagem.

Bandidos ou não, gente enrolada ou não, são vidas humanas que se perdem sem que muito pouco seja feito para evitar que mercenários vivam as custas de assassinatos. Quem executa esses crimes? Por que a polícia não consegue acabar com o que já denominam de Sindicato da Pistolagem?

Já vimos esse filme, quando muitos até comemoram essas carnificinas, até que um dia morre um colarinho branco ou alguém de projeção na sociedade.

quarta-feira, 5 de julho de 2017

A IMPORTÂNCIA DA EXPOIMP PARA MOVIMENTAR NEGÓCIOS NO MARANHÃO DO SUL

A exposição chega a sua 49º edição com estimativa de público de 150 mil visitantes


Sendo uma vitrine para os pequenos e grandes empresários dos mais diversos segmentos, e principalmente do agronegócio, a Exposição Agropecuária de Imperatriz (Expoimp), chega a sua 49º edição com o tema “A força do agronegócio alimentando o mundo”, e quem comemora o sucesso da feira na região são os empresários, que terão a oportunidade de apresentar as novidades dos seus negócios para um público estimado de 150 mil pessoas durante os nove dias da feira.

Com o intuito de aquecer o agronégocio a economia local com circulação de capital, a Expoimp tem atraído cada vez mais expositores. Nesta edição, são mais de 200 standes espalhados pelo parque de Exposições Lourenço Vieira da Silva, envolvendo os mais diversos segmentos para atrair os visitantes.

O presidente do Sindicato Rural de Imperatriz, Renato Pereira destaca que a “Expoimp é a oportunidade que produtores rurais, que trabalham o ano inteiro no campo tem de mostrar o fruto do seu esforço para o público em geral, e principalmente é um momento que propícia novos negócios”, explica.

Segundo o pecuarista José Ricardo Fontes, a Expoimp tem um papel importante para o desenvolvimento do negócio de alguns produtores, pois é durante a exposição que o produto que eles oferecem ganham destaque. “A feira é um bom local para quem deseja expandir seu negócios, além de aumentar os contatos com pessoas do mesmo ramo com novas técnicas de produção, manejo e tudo que tem somado para que nosso produto se desenvolva”, comenta.

Com um stande que demonstrará um apartamento exclusivamente pensado para universitários, a diretora administrativa da construtora que realizará a obra, Helena Serafim, destaca que a exposição é muito importante para aproximar empresa e clientes. “Sempre tratamos o stand da Expoimp com muito cuidado pois é para nós um local onde podemos retribuir aos nossos clientes, colaboradores, fornecedores e amigos, a credibilidade depositada na nossa empresa, proporcionando a todos um espaço preparado especialmente para nós confraternizarmos e homenagearmos a grande feira agropecuária de Imperatriz, que é um marco no calendário anual da nossa cidade”, afirma.

Maria de Fátima empresária do segmento de vestuário diz que é durante a Expoimp que o comércio fica ainda mais aquecido e que as vendas sempre aumentam. E para ela é um momento em que todos os empresários esperam, pois a feira faz com que as vendas aumentem, sendo muito positivo para os negócios.

A 49º Exposição Agropecuária de Imperatriz (Expoimp), tem abertura no sábado (08) de julho, com a tradicional cavalgada e show gratuito da banda Forró Fama de Rei. A feira segue com a participação de artistas como Gabriel Diniz, Juliano Son, Pe. Alexandre Campos, Mano Walter e Zé Neto e Cristiano. A programação encerra no domingo (16), com a final do rodeio e show gratuito de Zé Ricardo e Thiago e da dupla imperatrizense Luiza e Maurílio em comemoração ao aniversário de Imperatriz. ((Texto Assessoria Sinrural, título do Blog)

terça-feira, 4 de julho de 2017

DEPUTADO MARCO AURÉLIO DESTACA INAUGURAÇÃO DA CASA DE APOIO NINAR

Na sessão desta terça-feira,04 na Assembleia Legislativa do Maranhão, o deputado estadual Marco Aurélio (PCdoB)  fez questão de destacar a inauguração da Casa de Apoio Ninar, uma importante iniciativa do Governo do Maranhão, que irá acolher mães e familiares de bebês com microcefalia que buscarem atendimento.


Para o parlamentar sul-maranhense "vale destacar o simbolismo da instituição, que passa a funcionar na antiga casa de veraneio do governo, local que abrigou diversos banquetes luxuosos no passado, mas que a partir de hoje irá servir para atender aqueles que mais necessitam".


Marco Aurélio parabenizou o governador Flávio Dino, por ter a sensibilidade e sempre buscar governar para os que realmente precisam. 

"Viva o povo do Maranhão que está percebendo essa mudança na prática, nos gestos, nas atitudes, nas concretizações daquilo que foi dito no passado. Cuidar das pessoas, servir, esta é a finalidade do governo e quando a gente vê esse tipo de ação se concretizando, realmente é motivo de orgulho. Parabenizo portanto o governador Flávio Dino, o secretário Carlos Lula e toda a equipe que se dedicou... o secretário Clayton Noleto que com sua equipe fez toda essa reforma e adaptação para que a partir de hoje, aquela casa que só servia para luxo e baquetes, agora tenha realmente uma função social", disse Marco Aurélio. 

UMA BOA NOTÍCIA! BEBÊ BALEADO NA BARRIGA DA MÃE PODE NÃO FICAR PARAPLÉGICO, DIZEM MÉDICOS

A equipe médica responsável pelo atendimento do bebê baleado na barriga da mãe na última sexta-feira disse que o quadro de paraplegia do pequeno Arthur pode ser revertido. Os médicos se reuniram nesta segunda-feira com o secretário de saúde de Duque de Caxias para uma coletiva de imprensa. O bebê foi atingido durante um tiroteio na Favela do Lixão e parmanece em estado grave.

— Seria precipitado dizer se ele vai ficar paraplégico ou não. É possível que o quadro seja revertido. O foco agora é manter ele respirando e bem alimentado — disse o neurocirurgião Eduardo França, que participou da entrevista ao lado do secretário de saúde de Duque de Caxias, José Carlos Oliveira.

O pai da criança, Klebson da Silva, fez a certidão de nascimento do bebê pela tarde. A mãe do menino, Claudineia dos Santos, segue internada na Unidade de Pacientes Graves do Hospital Moacyr do Carmo, se recupera bem e deve ser transferida para a enfermaria da maternidade, segundo o própiro marido. Por opção do mesmo, Claudineia não sabe do estado de saúde do filho.

— Ela está tranquila e me pediu até maquiagem — contou Klebson ao sair da visita.

O pai do menino foi ouvido na 59ª DP (Duque de Caxias) nesta segunda-feira. A polícia ainda não conseguiu ouvir Claudineia e ele deve ter relatado aos agentes o que a esposa pode ter lhe dito durante o tiroteio em que foi baleada. (Jornal Extra).

PROCON/MA: 30 ANOS DE HISTÓRIA NA DEFESA DO CONSUMIDOR

Por  Duarte Júnior

Fortes são os indícios que apontam que a proteção ao consumidor já era aplicada desde a Lei das Doze Tábuas, pois, segundo esse sistema, o comprador já poderia exigir do vendedor que desse uma declaração formal, que definisse a coisa que foi vendida e suas qualidades essenciais. A partir dessa declaração, o vendedor era responsabilizado, ficando proibido de fazer publicidade enganosa. Logo, se nota que, desde esta época, o vendedor já deveria agir com transparência.

Em 15 de março de 1962, o Presidente dos Estados Unidos da América, enviou uma carta ao congresso nacional com o intuito de que normas de proteção e defesa ao consumidor fossem elaboradas. Nesta carta, o então presidente democrata afirmava:“Consumidores, por definição, somos todos nós. Os consumidores são o maior grupo econômico na economia, afetando e sendo afetado por quase todas as decisões econômicas, públicas e privadas”. Este, foi considerado o grande marco na história da defesa do consumidor.

Desde então, inúmeros movimentos em defesa dos consumidores surgiram em todo o mundo. No Brasil, mais consideravelmente na década de 70. Já no Maranhão, pouco antes da Constituição de 1988, em 1987, tal política foi efetivamente inaugurada durante o governo de Epitácio Cafeteira, por meio do Decreto nº 10.451, com a criação do PROCON no Maranhão.

Com atuação tímida ao longo dos anos, muito por conta da defesa do consumidor ainda estar engatinhando à época. O PROCON/MA fazia apenas atendimentos individuais e raras fiscalizações.

Em 2011, na direção de Felipe Camarão, o PROCON foi elevado à condição de Gerência de Proteção e Defesa do Consumidor, possuindo natureza jurídica de órgão desconcentrado (Subsecretaria) da Secretaria Estadual de Direitos Humanos e Cidadania.

Em 31 de agosto de 2015, durante o governo Flávio Dino, o órgão se transformou em Autarquia, os procedimentos se tornaram mais ágeis e eficientes, conquistando autonomia administrativa e financeira para atuar em defesa dos consumidores maranhenses.

De modo inédito no país, em 2017, à luz dos ensinamentos de Boaventura de Souza Santos, o conceito de cidadão substitui o de consumidor com a incorporação do PROCON/MA ao programa VIVA Cidadão, passando a se chamar Instituto de Promoção e Defesa do Cidadão e Consumidor do Maranhão. Dessa forma, tornou-se a instância estadual responsável pela defesa da cidadania e dos direitos do consumidor.

Como se viu, a defesa do consumidor é uma bandeira antiga, mas, só hoje é possível afirmar que há uma política efetiva de proteção e defesa ao consumidor maranhense que propicia a plena harmonia às relações de consumo. Tudo isso, só é possível, graças a uma atuação técnica, corajosa e apaixonada de toda equipe de servidores do órgão, atrelada ao apoio incondicional de um Governador que compreende a importância de se construir um governo amparado nos princípios fundamentais e dedicado às pessoas.

Atualmente, o PROCON/MA se tornou presente em todas as regiões do Estado. Em apenas 2 anos, aumentou de 5 para 33 unidades fixas de atendimento, um órgão com ações efetivas em prol da cidadania e com alto índice de confiabilidade e solução de conflitos (98% de casos solucionados em 2016).

Entre as ações, destacam-se: a que reduziu os abusivos preços dos combustíveis em São Luís, em 2015; a Operação Batismo que fiscaliza diariamente os postos de combustíveis do estado para garantia da qualidade e volume adequados ao consumidor; o acordo inédito que reverteu multas de operadoras de telefonia para internet nos terminais de integração da capital e garantiu a instalação de mais 100 novas torres de tecnologias 3G e 4G para todo o estado; o aplicativo do PROCON/MA, ferramenta que desburocratiza e garante o acesso à justiça, pois permite que o consumidor formalize reclamações e denúncias a qualquer hora do dia ou da noite; o acordo com a Associação de Supermercados do Maranhão que garantiu ao consumidor o direito de levar um produto igual, só que em perfeitas condições, ao que fora encontrado vencido na prateleira ou com precificação divergente, gratuitamente; as fiscalizações diárias nos bancos, que já refletiu em alguns resultados positivos para o setor; palestras educativas em escolas públicas, através do projeto PROCON Mirim, levando educação para o consumo de forma lúdica e interdisciplinar para mais de 2.300 crianças; são algumas das ações de refletem resultados efetivos, positivos e significativos na vida do consumidor maranhense.

Assim, a política de defesa do consumidor vai crescendo, se consolidando e se tornando cada vez mais presente na vida do cidadão maranhense, efetivando e garantindo direitos. Afinal, a política de defesa do consumidor/cidadão se transformou em política prioritária de governo em prol do empoderamento dos maranhenses e necessária para a garantia dos seus direitos.

Em uma lógica capitalista, onde o consumo engloba o conceito de cidadania, o consumidor maranhense, se encontra devidamente representado e consciente de seus direitos, conseguindo aplicar na prática, a teoria exposta na Constituição e no Código de Defesa do Consumidor. 

*Duarte Júnior é presidente do Instituto de Promoção e Defesa do Cidadão e Consumidor do Estado do Maranhão (PROCON/MA) e do VIVA.

segunda-feira, 3 de julho de 2017

SUCESSÃO ESTADUAL: ROBERTO ROCHA DIZ QUE PODERÁ DISPUTAR ELEIÇÃO PARA GOVERNADOR PELO PSDB

"O juiz do meu trabalho é o povo, diz senador

Em entrevista ao jornal O Imparcial deste domingo, 02, o Senador Roberto Rocha (PSB-MA), fala de sucessão estadual no Maranhão e admite a possibilidade de regressar ao ninho tucano, disputando pela Social Democracia o governo do Maranhão. Veja.