sexta-feira, 6 de junho de 2014

TEM NADA NÃO, ROSEANA... "APESAR DE VOCÊ AMANHÃ HÁ DE SER OUTRO DIA..."







 “Não mando mais nada pra lá” diz Roseana para Léo Cunha sobre Imperatriz

Esse papo Roseana de que não discrimina nenhum município por causa do posicionamento do prefeito, é pura mentira. Sempre denunciamos que Roseana e o seu pai o velho oligarca José Sarney, são rancorosos e agem com ódio, todo possível rigor contra aqueles que não querem rezar na cartilha sarneysista. Basta lembrar como eles trataram Jackson Lago, Zé Reinaldo, o município de Porto Franco - quando retiraram até recursos da saúde -, São Luís agora na administração Edivaldo Holanda, entre outros exemplos. E, como não poderia ser diferente, agora também Imperatriz, por causa da corajosa decisão do prefeito Sebastião Madeira em dizer não para "Lobo Filho" e voltar para oposição apoiando Flávio Dino. A ira da "sinhazinha" dos Leões se volta contra Imperatriz.

Vejam o que escreveu sobre isso o blogueiro Luís Pablo: 


“Não mando mais nada pra lá” diz Roseana para Léo Cunha sobre Imperatriz

 
Roseana e Léo Cunha
A governadora do Maranhão, Roseana Sarney, teve uma dura conversa ao pé do ouvido com o deputado estadual Léo Cunha, durante do lançamento da Programação Junina, na tarde de hoje, dia 4, no Palácio dos Leões.

Roseana, por sua vez, negou o pedido do deputado e disse que não vai mais mandar nenhum recurso para a cidade, após a "traição" do prefeito Sebastião Madeira, que declarou apoio a pré-candidatura do comunista Flávio Dino, ao Governo do Maranhão.

Léo Cunha ainda insistiu no assunto, mas Roseana Sarney encerrou a conversar reafirmando: “Não mando mais nada pra lá”.

O titular do Blog do Luis Pablo registrou o momento da conversa entre o deputado e a governadora. No vídeo abaixo, Roseana aparece fazendo um gesto de “fim de papo” e Léo Cunha com uma cara, meio sem graça, se afastando.

Em tempo: após o chega pra lá que levou da governadora, Léo Cunha ainda se aproximou da secretária-chefe da Casa Civil, Ana Graziella, e comentou sobre o ocorrido.
Nota do Blog:  

Não tem problema, "sinhazinha" governadora. Pelo menos eu, e acredito a maioria dos imperatrizenses, não esperávamos uma atitude diferente de sua parte. Já escrevi aqui em outra oportunidade que dívida do seu pai e do seu grupo político para com Imperatriz era muito alta, fruto de dezenas de anos de abandono e descaso e  que a senhora poderia calçar as ruas de Imperatriz com  Madrepérolas e pintar os meios fios com tinta ouro que mesmo assim o povo desta cidade não perdoaria, principalmente depois do que a senhora e seu grupo fizeram com um governador eleito pela maioria esmagadora dos maranhenses, forjando um golpe para tirá-lo do poder, desrespeitando a nossa vontade e indiretamente levando o governador dos maranhenses à sepultura.

Não tem problema, Roseana, faltam apenas pouco mais de 5 meses para o fim do seu reinado no Maranhão.  Quando chegar a hora vá, não deixará saudades para Imperatriz. Aproveite  e leve com você Léo Cunha, Antonio Pereira, Pádua, Chiquinho Escórcio e todos seus vassalos aqui de Imperatriz...

Enquanto o sol da esperança ainda espera o dia 03 de outubro para nascer no Maranhão, ofereço a você a música que a oposição ofereceu aos ditadores do regime militar: "Apesar de você, amanhã há de ser, outro dia...



Nenhum comentário: