quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Bomba: Grupo Sarney opera na surdina para se apoderar do PT de Imperatriz



Valdinar cumprimenta Lobão e Antonio Pereira e discursa no ato dos sarneysistas
 Após o golpe que o esquema Lula/Sarney aplicou no PT maranhense ficou claro que este aí não é mais um partido democrático. Todos lembram que a decisão dos delegados eleitos pelos milhares de militantes era de que o partido coligasse com PCdoB e PSB, apoiando a candidatura de Flávio Dino. Mas Sarney e Lula operaram por Brasília e aplicaram um golpe jamais visto por aqui. Decidiu-se que o PT iria compor chapa com Roseana.

De lá pra cá o que se vê é o esquema Sarney cada vez mais se entranhando no PT. Ou no que restou dele. Aqui em Imperatriz uma operação está em pleno andamento para que o Diretório Municipal seja entregue à turma dos Sarney. A começar pelo vereador Chagão. Eleito em 2008 com os votos puxados pela coligação PT-PCdoB, Chagão traiu todo mundo e logo no primeiro turno apoiou Roseana Sarney (PMDB). E apoiou também Antonio Pereira (DEM). Vá lá que a decisão de apoiar o PMDB foi tomada no golpe citado, mas e quanto a Antonio Pereira? Mas isso é outra história.

Voltando ao assunto, reuniões e reuniões acontecem na calada da noite numa operação manobrada pela Casa Grande do Calhau, para que o PT de Imperatriz vá formalmente para o “grupo” de Roseana Sarney. E parece que não haverá resistência. Parece que não há mais tesão dos militantes petistas em defender a bandeira vermelha com a estrelinha. Essa é a herança do apoio escancarado de Lula e Dilma a Roseana Sarney. Todos estão com os olhos marejados e o coração sangrando.

As fotos que ilustram esta postagem são bem representativas do que escrevo nestas maltraçadas. O combativo e não-reeleito deputado estadual Valdinar Barros num incrível discurso no meio de todo o esquema Sarney em Imperatriz. Ele esteve presente, foi efusivamente citado pelos demais e discursou junto com os novos companheiros. É a personificação do fim do PT de Imperatriz.

A operação quer acabar de destruir qualquer resquício do PT militante e combativo de outrora. E parece que já conseguiu. A meta é eleger em 2012 vereadores que façam parte do esquema Sarney. Devem lançar inclusive candidato a prefeito, que pode ser o próprio Chagão, Edinardo Filgueiras, Dimas Salustiano, Antonio Pereira, ou qualquer outro nome que entre agora ou retorne ao PT. São todos iguais. São todos sarneysistas.

4 comentários:

José María Souza Costa disse...

Josué, muito bom o teu blog. leio sempre para me atualizar das coisas do Maranhão. Vim te convidar a visitar o meu blog,e se possivel seguirmos juntos por eles, para interagirmos e enobrecer o meu.Abraços
Lhe espero aqui
http://josemariacostaescreveu.blogspot.com

Blog do Marcelo Lira disse...

Durante toda a minha vida votei no 13 pra presidente, inclusive neste 1º turno. Mas tudo tem limite, não dá pra tolerar aliança com a quadrilha do Sarney. No 2º turno sou 45...

Blog do Josué Moura disse...

Ok José, já olhei o seu blog, já estou seguindo... Muito bom!Obrigado pela visita, volte sempre!

Blog do Josué Moura disse...

O colega Marcos Franco só esqueceu de dizer que o encontro ai, promovido pelo Lobão, que deveria queriam reunir uma centena de prefeitos,cabos eleitorais, apoiadores da Dilma em Imperatriz, foi um fiasco. Lá de povo nem cheiro teve.Depois eu conto os detalhes desse exército de Brancaleone do Lobão...