quarta-feira, 17 de outubro de 2012

DENÚNCIA: EMPRESA DE BENEFICIAMENTO DE LEITE POLUI O BAIRRO BACURÍ EM IMPERATRIZ-MA

Todos os dias os moradores do bairro Bacurí, principalmente os que moram próximos à Feirinha, acordam com uma visão nada bela: uma cortina de fumaça sobre suas casas, os céus escuros, o ar quase irrespirável. Trata-se da rotina de uma fábrica de beneficiamento de  leite, a Palate Indústria, Importação e Exportação Ltda., que funciona onde antes era a antiga Cooperleite.

A mesma não tem filtros em suas chaminés e  despeja todos os dias sobre o bairro uma grande quantidade  de fumaça que parece ser de carvão de côco babaçu. O fato se dá com mais intensidade por volta das 8:00hs e durante a noite, chegando a afetar a respiração (pelo menos a minha) das pessoas que moram mais proximas da fábrica.

Não detenho conhecimentos técnicos sobre o assunto, mas  o ambiente fica altamente poluído colaborando para a diminuição da camada de ozônio e talvez com graves consequencias para a saude dos moradores da redondeza.

Encaminhei a denúncia com fotos ao IBAMA através da Ouvidoria (linhaverde.sede@ibama.gov.br). Estarei também encaminhado a denúncias às secretarias de meio Ambiente do município e do Estado e espero uma resposta urgente sobre o assunto. E que medidas sejam tomadas sem protecionismo, não me venham com o velho discurso de que essas denúncias atrapalham o progresso e desenvolvimento econômico. Queremos sim empregos, progresso, desenvolvimento, mas também queremos qualidade de vida...

Pensei em fazer essa denúncia antes, mas não a fiz por estarmos em um período eleitoral e alguns acharem que eu estaria me aproveitando para fazer proselitismo político ou cabalar votos.

Um Bacurí de problemas

Localizado quase no centro da cidade e tendo recebido uma atenção maior da atual gestão municipal no quesito infraestrtura, o bairro Bacurí tem porém vários problemas a serem atacados pelos poderes públicos. A poluição da fábrica de beneficiamento de leite Palate é apenas um deles, existem ainda as Cerâmicas que também poluem uma grande área do bairro, o riacho que virou um esgoto malcheiroso á céu aberto e que uma parte de seus moradores insistem em entupir jogando lixo ou construindo irregularmente em suas margens e, ainda, o transporte irregular de areia e outros materias de construção, derramados nas vias públicas.

Secretaria de Meio Ambiente

Claro, os problemas ambientais são da conta de todos nós cidadãos, governos municipal, estadual e federal, Ministérios Públicos... Mas, na cabeceira da fila das resposnsabilidades, cabe a um órgão tomar  a dianteira: a Secretaria de Meio Ambiente do município deveria  pelo menos fiscalizar, diagnosticar, esses problemas.

Então fica aqui o alerta: Alô secretário de Meio Ambiente  Eneas Nunes Rocha! Acorda secretário! Como dizia o saudoso Aldeman Costa: "Ói pru tempo homi!"

3 comentários:

Rogério R. Said Amorim Júnior disse...

Josué Moura, gostaria que você fizesse também uma matéria sobre a poluição das CERÂMICAS em imperatriz, elas jogam uma enorme quantidade de fumaça 24 horas por dia 7 dias da semana sem interrupção é um absurdo, eu particularmente mudei recentemente para perto de uma a a Cerâmica João de Barro (bacuri/caema) e sofro e sei como é ruim conviver com a poluição.

Wagner Nascimento disse...

Não é só no Bacuri que acontecem esses descasos, meu caro Josué Moura. No bairro Juçara, bem próximo ao centro da cidade, também ocorrem esses absurdos e também com uma indústria de beneficiamento de leite. Seu endereço é rua Pernambuco nº 117, no bairro Juçara. A estratégia deles é fazer essa sujeirada principalmente aos domingos e feriados para fugir de uma possível fiscalização, já que estão praticamente no centro de Impertriz. Vou mandar umas fotos para que você possa denunciar mais esse descaso em seu Blog. Obrigado.

Blog do Josué Moura disse...

É verdade amigos, pelo que vejo temos que "dar uma geral" nos problemas ambientais de Imperatriz. Existe um Conselho de Meio Ambiente, além de denunciarmos acho que deveríamos procurá-los. É um direito nosso ter um ambiente saudável...Caso queiram dar prosseguimento ao assunto entrem em contacto comigo, vamos á luta! (99) 9167 35 99.
Obrigado!