sábado, 16 de fevereiro de 2013

MORRE TESTEMUNHA DO CASO DÉCIO SÁ

Uma das testemunhas do processo que investiga a morte do jornalista Décio Sá morreu na madrugada dessa quarta-feira, 13, em São Luís. O homem de 35 anos, cuja identidade não foi revelada, estava internado sob custódia no Hospital Carlos Macieira (HCM) após ser atingido por sete tiros em um atentado em janeiro.

decio_sa_-_morte
Denúncias publicadas em blog podem ser motivação para morte de Décio Sá
De acordo com o G1, as investigações apontavam que a testemunha conhecia o esquema de agiotagem comandado pelos acusados da morte do jornalista. A Secretaria de Segurança Pública (SSP) informou que a aguardava a liberação dos médicos para ser ouvido enquanto se recuperava de um tiro no rosto, no entanto não resistiu e acabou falecendo no hospital.

A polícia ainda informou que ele seria o dono de uma casa de bingo e teria envolvimento com o financiamento de produção de máquinas caça-níqueis. Ao todo, 55 testemunhas estão envolvidas no processo que investiga a morte de Décio Sá e o esquema de agiotagem descoberto pela apuração.

O caso
Repórter de política do Estado do Maranhão, Décio Sá morreu após ser atingido por seis tiros em frente a um bar da capital maranhense, no dia 23 de abril de 2012. A polícia suspeita que o crime tenha sido motivado por denúncias feitas pelo jornalista em seu blog

Nenhum comentário: