segunda-feira, 8 de abril de 2013

APAGAR FOGO COM BOSTA! É A NOVA DESCOBERTA CIENTÍFICA NO MARANHÃO, GRAÇAS AO GOVERNO ROSEANA

"E ai, é água?"  Eu digo ‘não, é fezes, mais ou menos uns quatro mil litros de fezes’. ‘A gente está precisando, que aqui o fogo está demais’. “Não fica muito cheiroso não, mas  o importante é resolver o problema”.

Diante do sufoco e da falta da presença do fraco governo de Roseana Sarney, o maranhense está ficando criativo.  Vem de Bacabal-MA, a mais nova descoberta no improviso de "quem não tem cão caça com gato". Na falta de bombeiros, que naquela região só tem em São Luís, os bacabalenses apagaram fogo com fezes! Foi assim pelo menos em duas ocasiões, quando os moradores daquela cidade apagaram incêdios e salvaram vidas utilizando água de fossa sanitária, com um carro "limpa fossas"

Seria cômico se não fosse trágico. Matéria nesse sentido foi do Fantástico da Globo do último domingo, 07/04,divulgada em rede nacional e depois repetida no Bom dia de hoje (já editada) da TV Mirante.

Você deve estar curioso: "mas a TV Mirante?". Sim, graças a intervenção global  hoje existente no jornalismo da TV de Sarney, que mesmo contra a vontade dele exibe uma matéria que é mais um tapa na cara da oligarquia que governa esse estado e que até hoje o mantém  no atraso e na miséria.

Depois de também detonar a situação precária dos bombeiros do Piauí e do Tocantins, diz a matéria sobre o Maranhão.

 Sobre o incêndio em Bacabal (MA), especialistas afirmam: foi sorte ninguém ter se ferido, em outubro passado. 
“Isso aí é uma atitude de desespero, correndo risco, inclusive, depois de virarem vítimas”, alerta o coronel da reserva do Corpo de Bombeiros de São Paulo Paulo Chaves de Araújo.

Como Bacabal não tem Corpo de Bombeiros, quando ocorre um incêndio desses, teria que vir uma equipe da capital, São Luís, que fica a quase 250 quilômetros de distância.

Sabe o que aconteceu? O improviso chegou ao ponto de o limpa-fossa ser usado para apagar o fogo. 

“Perguntaram: ‘Ei, aí é água?’. Eu digo ‘não, é fezes, mais ou menos uns quatro mil litros de fezes’. ‘A gente está precisando, que aqui o fogo está demais’”, relembra Jaelson Santos Souza.

E essa não foi a primeira vez que ele fez papel de bombeiro. Um ano antes, ele tinha apagado um incêndio em um depósito de reciclagem. “Não fica muito cheiroso não. O importante é resolver o problema”, diz.

No Maranhão, em média, há um quartel de bombeiros para cada 20 cidades.



“Por que não tem mais bases do Corpo de Bombeiros no estado?”, pergunta o repórter: “A grande problemática é efetivo, tanto que o governo do estado está otimizando já. Temos um concurso em andamento para a entrada de mais 150 homens neste ano e em 2014, há uma previsão de mais 150 homens”, responde o comandante-geral do Corpo de Bombeiros do Maranhão, coronel Wanderley Pereira.

Agora veja o vídeo:
 http://globotv.globo.com/tv-mirante/bom-dia-mirante/v/situacao-precaria-dos-bombeiros-no-maranhao-e-mostrada-no-fantastico/2503839/

4 comentários:

Jair disse...

É isso aí meu caro Josué. Aqui no Maranhão eles podem fazer de tudo, inclusive apagar fogo com merda. Eu costumo dizer que o Maranhão não é um Estado; o Maranhão é uma FAZENDA do Sarney e se mudassem agora o nome de MARANHÃO para MERDANHÃO, ia pegar muito bem...

Anônimo disse...

Hoje quem toma banho nas praias de São Luis, toma banho de merda ou seja, São Luis é uma ilha cercada de merda por todos os lados. Não é a toa que se apague fogo com merda.

JWilson disse...

O engraçado disso tudo, é que eles ainda fazem piada em pleno legislativo, dizendo que que é melhor escapar fedendo do que morrer queimado. Vejam só como eles gostam do povo, como eles tratam o cidadão que paga seus impostos para ter segurança e uma vida digna. E, isso não é de hoje não; a mais de quarenta anos que estamos engolindo e tomando banho de merda. Temos que mudar isso urgentemente senão serão nossos netos que sofrerão nas mãos desses políticos que não tem nenhum compromisso com o povo.

Anônimo disse...

Povo de merda!