terça-feira, 30 de julho de 2013

"GUERRA DE FAMÍLIAS" ? POLÍCIA COMEÇA A DESVENDAR MORTES EM DOM PEDRO-MA


Preso dois suspeitos do assassinato do ex-deputado Edilson Peixoto. Um dos presos é irmão do  ex-vereador do município, Diogo Gomes, também executado

A polícia prendeu dois suspeitos de executar o ex-deputado estadual Edilson Peixoto da Silva, assassinado a tiros no dia 25 de julho, em Dom Pedro (a 255km de São Luís). Um se trata de um pistoleiro conhecido na região e, o outro, do irmão do ex-vereador do município, Diogo Gomes de Freitas, de 54 anos, que também foi assassinado no município, 13 dias antes do crime contra o ex-deputado.


“Temos uma linha de investigação muito sólida, prova disso é que conseguimos expedir cinco mandatos de busca e apreensão. A gente acredita que tenha sido justiça com as próprias mãos. Conseguimos prender o irmão do ex-vereador que foi morto e um pistoleiro conhecido como Antônio Velho, hoje, por volta das 6h. Acreditamos que foi um acerto de contas, uma questão de vingança. Segundo informações de depoimentos colhidos, o irmão do Diogo agenciava pistoleiros”, explicou o delegado Paulo Arthur.
De acordo com o delegado, a morte do ex-vereador Diogo ainda não foi elucidada porque há uma grande dificuldade de obtenção de informações com os familiares. "Eles não querem conversa com a polícia. Estão buscando uma linha de justiça privada. Um outro irmão do ex-vereador também foi morto, o Leudo. Fica complicado tentar desvendar o caso em que a própria família ignora a polícia. Estamos dizendo que se eles não ajudarem, não poderão reclamar do Estado. A família do ex-deputado ajudou muito nas investigações", disse Paulo Arthur.

Segundo o delegado, quem é apontado como executor é um outro pistoleiro conhecido na região. "Não conseguimos provar porque ele é muito perigoso e todo mundo fica com medo de testemunhar contra", concluiu(do G1).

2 comentários:

Anônimo disse...

O interessante é saber que as duas mortes tem ligação,e só estão investigando so um lado,enquanto que o bandido de verdade está solto e ainda,acompanhado dos macedos,que é de conhecimento geral que lideram quadrilhas de trafico,roubo de cargas e assaltos a banco...Mas estes,ninguém quer prender...pq será em josué moura...publica isso ai tbm

Anônimo disse...

quem tem dinheiro e poder, infelizmente, é respeitado no Brasil