sexta-feira, 4 de abril de 2014

ROSEANA SARNEY DIZ QUE FICA, MAS NÃO RESPONDEU SOBRE O SEU CANDIDATO



Em pronunciamento relâmpago como quem teme tempestade, Roseana Sarney disse que permanece no governo. A Sarney repetiu a catilinária da continuidade de obras/serviços, em seguida se retirou sem responder as perguntas dos jornalista convidados para coletiva.

“Em primeiro lugar boa tarde a todos vocês. Como eu tinha prometido a todos, que iria falar na sexta-feira, hoje eu estou aqui para dizer a todos vocês, comunicá-los, que eu vou ficar no governo. Eu vou ficar porque eu quero terminar o que eu iniciei. Quero terminar as minhas obras. Quero terminar as minhas ações do governo. Quero deixar aqui cumprido o compromisso que eu tive com o povo maranhense ao me eleger governadora do Maranhão nesse último mandato. Eu sei que tem oito meses pela frente de muito trabalho, de muito empenho, e vou me empenhar para fazer o melhor governo da minha vida e fazer com que o Maranhão continue crescendo, mudando, se desenvolvendo. Por isso eu resolvi ficar no governo até o final. Obrigada. Vou conversar com vocês em outra ocasião, mas no momento só tenho essa declaração a fazer”, disse.

No ar muitas indagações e especulações levantadas nos corredores dos Leões. Alguns depois de generosas doses de Red Bul deram asas as suas imaginações. Teve quem afirmasse que a atual postura da Sarney é fruto de acordo com Dilma/Dino. Teve para tudo.

A Sarney parece ter se desligado da candidatura de Luís Fernando. A reforma do secretariado, o isolamento da classe política não tem explicação dentro da lógica política. Ninguém joga para perder, a não ser que perdendo ganhe mais- um Ministério por  exemplo. ( César Bello)

Nenhum comentário: