terça-feira, 10 de junho de 2014

NÃO PODERIA SER DIFERENTE: PDT DIZ NÃO AO SARNEYSISMO!!!

"Não poderia ser diferente, pois como sempre disse O PDT como a principal força motriz da oposição durante anos sustenta a bandeira das mudanças e do enfrentamento político e administrativo no estado. O PDT, tem uma longa história de aprendizados, de erros e acertos e, principalmente, de luta e resistência que ajudou a construir as condições políticas para a oposição chegar onde está hoje, então não poderíamos agora mudar de posição. Venceu a coerência", disse o ex-prefeito de Porto Franco Deoclides Macedo, vice-presidente do PDT do Maranhão e pré-candidato a deputado federal.

Terminou no inicio da noite em Brasília convenção  nacional do PDT. Logo após, aconteceu uma reunião importante da seção maranhense do partido brizolista com a cúpula partidária para tratar sobre o rumo que deveria seguir o PDT do Maranhão. Não deu outra: por unanimidade os maranhenses disseram a Carlos Lupi e cia que o partido de Jackson Lago reafirma sua posição histórica permanecendo na oposição ao sarneysismo e que marchará  com Flávio Dino e demais partidos numa grande frente oposicionista para enterrar de vez o mando oligárquico de Sarney no Maranhão. 

A decisão põe fim as especulações e intrigas que todos os dias vinham sendo publicadas em blogs e jornais amilhados, que o PDT poderia indicar o candidato a vice na chapa do senador Edinho Lobão. 
Traz também a tranquilidade às bases em todo o estado, que independente da posição oficial ou não das direções estadual e nacional, já estavam de corpo e alma com o líder das pesquisas Flávio Dino.


"Não poderia ser diferente, pois como sempre disse, o PDT como a principal força motriz da oposição durante anos sustenta a bandeira das mudanças e do enfrentamento político e administrativo no estado. O PDT, tem uma longa história de aprendizados, de erros e acertos e, principalmente, de luta e resistência que ajudou a construir as condições políticas para a oposição chegar onde está hoje, então não poderíamos agora  mudar de posição. Venceu a coerência", disse o ex-prefeito de Porto Franco Deoclides Macedo, vice-presidente do PDT do Maranhão e pré-candidato a deputado federal.


NOTA DESTE JORNALISTA


Como pedetista, confesso que tinha minhas dúvidas, não da posição das lideranças do Maranhão, da militância e lideranças do interior que já haviam tomado a decisão de permanecer na oposição, tinha minhas reservas pelo exemplo do PT do Maranhão que teve sua vontade desrespeitada pela cúpula nacional e hoje é nada mais que uma filial do sarneysismo, rachado com apenas uma parcela de petistas que não se dobraram. Sabemos que no Brasil partidos são feudos onde ainda não chegou a democracia. Mas ainda bem que no PDT foi diferente.

Quero  parabenizar  as lideranças maranhenses, em especial o presidente estadual do partido, Julião Amin, o ex-prefeito Deoclides Macedo, a deputada Valéria Macedo, deputado federal Weverton Rocha, Chico Leitoa, Márcio Honaiser, Ivaldo Rodrigues, Rosângela Curado, Julio França, Rafael Leitoa, Raimundo Penha, Aziz Junior, Kariadine Maia, Teresa Cristina, Rafael Leitoa, Wennder Robert, Edson Vidigal, Padre Fábio, entre outros. Vamos juntos companheiros a vitória nos espera!

Um comentário:

Manuel Parreao Filho disse...

Tenho dito reiteradamente: determinados políticos, - pra não dizer todos ou quase todos -, têm estômago demais pra digerir determinadas coisas, digo, pessoas. Pois bem, lendo a reportagem e vendo as fotos e nomes de algumas delas que faz parte da sigla apresentada na reportagem, fico espantado de ver personagens - pelo menos até onde se sabe - de bom caráter , preparadas e etc, a exemplo de Edson Vidigal, Cristovam Buarque ao lado de indivíduos da estirpe de um Carlos Lupi e Weverton Rocha. E pior: os tais citados na condição de líderes. Como dito antes, o sistema digestivo desses políticos são mais resistentes a bactérias e coisas putrefactas do que o de uma hiena, de um urubu ou mesmo ao de um dragão de komodo. HAJA ESTÔMAGO!