terça-feira, 6 de maio de 2014

FLÁVIO DINO FIRMA COMPROMISSOS COM A EDUCAÇÃO NO MARANHÃO

Educadores de todo o Maranhão se reuniram com o pré-candidato a governador, Flávio Dino (PCdoB), para apresentar um conjunto de propostas da categoria. Discutindo a realidade da Educação maranhense, Flávio Dino e Roberto Rocha (PSB) expuseram aos educadores o projeto de reestruturação da Educação estadual, a partir de Políticas Públicas integradas.

Reunido com diretores de sindicatos de Trabalhadores em Educação de 16 regionais do estado, Flávio Dino reafirmou o compromisso com bases para mudanças da Educação do Maranhão. Segundo Júlio Pinheiro, presidente do Sindicato dos Trabalhadores na Educação Básica das Redes Públicas Estadual e Municipais do Maranhão (Sinproesemma), é necessário repactuar as políticas educacionais em todo o estado.

O compromisso com a Educação é demonstrado através de ações efetivas pela classe trabalhadora e pela melhoria dos índices educacionais. Neste sentido, Flávio Dino relembrou sua participação em lutas importantes para conquistas à classe de trabalhadores.

Na Câmara Federal, Dino foi responsável por reintroduzir a emenda de redução de 1/3 da carga horária para professores poderem se dedicar a preparar aulas, corrigir provas e se dedicar a atividades extraclasse. Foi como deputado federal também que Flávio Dino atuou na aprovação da Lei do Piso Salarial para professores e inclusão dos aposentados na nova legislação. “Através gestos concretos é que nós mostramos o grau de prioridade que dedicamos à Educação,” disse o pré-candidato.

Júlio Pinheiro lembrou ainda de questões relacionadas aos servidores públicos, que precisam ser melhor assistidos pelo Governo Estadual. O caso da extinção do Hospital do Servidor pelo governo estadual preocupa a classe, que hoje corresponde a 50% de todos os servidores do estado.

Entre outras reivindicações, os professores apresentaram como pautas principais a realização de concurso público; a unificação de matrículas; a universalização do ensino médio; a elaboração de projetos de formação docente continuada; a aprovação do Plano Estadual de Educação; a autonomia financeira da Seduc, as eleições diretas para diretor, e a criação de escolas em tempo integral, com dedicação exclusiva aos profissionais.

Estruturar e transformar

Durante o debate com professores de várias regionais, os professores ressaltaram as dificuldades por que professores e alunos passam com a falta de infraestrutura nas escolas estaduais Maranhão afora. Sem um programa consistente de recuperação e construção de escolas, o estado ainda possui cidades sem acesso a rede de Ensino Médio.

Para o pré-candidato Flávio Dino, a estruturação das escolas públicas é apenas o passo inicial para um Pacto pela Educação, que tem por objetivo final a formação de cidadãos com mais oportunidades e mais consciência social. Alcançar esta meta, portanto, seria um grande processo negociado e continuado de evolução da infraestrututra educacional, melhoria dos índices educacionais e da formação de cidadãos com mais oportunidades.

Mobilização dos Educadores

O projeto de mudanças para a Educação debatido entre os pré-candidatos a governador e a senador foi apresentado em plenária com os dirigentes das regionais do Sinproesemma na tarde da última segunda (05). Após os debates, Dino ressaltou a importância do engajamento e participação dos educadores no projeto de mudanças estruturantes para o Maranhão. 

“É preciso que os professores se envolvam neste processo. Importante haver uma aliança entre os governos e os educadores para promover um salto de desenvolvimento para o estado. Não há outro método em todo o mundo para promover o desenvolvimento que não seja por meio da Educação de qualidade,” disse.

Dino destacou que os professores de todo o Maranhão são agentes fundamentais para que mudanças profundas aconteçam em toda a sociedade. Não apenas na educação formal, mas também na formação de cidadãos conscientes no seu papel na sociedade. “Combate à corrupção, enfrentamento ao tráfico de drogas, proteção do meio ambiente. Tudo isso só será possível a partir de uma nova consciência do papel de cada cidadão no meio em que vive e a Educação é o caminho para fazermos essa conquista que é de todos,” finalizou.

O presidente estadual da Central dos Trabalhadores do Brasil (CTB), Júlio Guterres, defendeu a pré-candidatura de Flávio Dino, pautada em bases e diálogo com os trabalhadores. “A diferença entre esta e as demais candidaturas é o compromisso de muitos anos com os movimentos sociais, atestado em ações concretas,” defendeu durante a reunião. (Assessoria)

Nenhum comentário: